PORTO VELHO

Agronegócio

ARROZ/CEPEA: Com demanda enfraquecida, Indicador segue em queda há um mês

Agronegócio


Cepea, 9/6/2021 – O Indicador do arroz em casca ESALQ/SENAR-RS vem registrando baixas consecutivas desde o dia 10 de maio. Segundo colaboradores do Cepea, esse cenário reflete a demanda interna bastante enfraquecida, principalmente na “ponta final” da cadeia, devido ao atual contexto econômico no Brasil, com índice de desemprego elevado e poder de compra fragilizado. Do lado da oferta, muitos vendedores estão retraídos dos negócios, à espera de melhor remuneração. Esses agentes apontam elevação dos custos de produção nesta temporada 2020/21 e possibilidade de altas ainda mais expressivas na safra 2021/22. Além disso, as unidades de beneficiamento ainda priorizam o cereal depositado, alegando margens apertadas. Esses fatores reforçam a baixa liquidez. Entre 1º e 8 de junho, o Indicador ESALQ/SENAR-RS, 58% grãos inteiros (média ponderada e pagamento à vista), recuou 2,2%, para R$ 76,67/sc de 50 kg nessa terça,feira, 8, o menor patamar registrado desde 17 de agosto de 2020, em termos nominais, quando o Indicador fechou a R$ 75,88/sc. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Senar lança minicursos na área de pastagens
Propaganda

Agronegócio

‘Prêmio CNA Brasil Artesanal – Chocolate’ está com inscrições abertas até dia 28

Publicados

em


Brasília (23/06/2021) – O “Prêmio CNA Brasil Artesanal 2021 – Chocolate” está com inscrições abertas até a próxima segunda (28). Podem concorrer produtores e agroindústrias artesanais.

A iniciativa é uma parceria do Sistema CNA/Senar com o Centro de Inovação do Cacau (CIC) e com a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) e o objetivo é reconhecer os melhores chocolates artesanais do Brasil.

Para participar do concurso, 300 gramas de amostras de chocolates devem ser enviadas no formato de gotas até o dia 28 de junho, de acordo com os critérios e especificações que constam no regulamento no site  https://www.cnabrasil.org.br/eventos/premio-brasil-artesanal-2021-chocolates

Além disso, os inscritos devem estar cadastrados no Programa de Alimentos Artesanais e Tradicionais https://www.cnabrasil.org.br/artesanaisetradicionais/

O prêmio conta ainda com o apoio do Programa Compre do Pequeno, do Sebrae.

Prêmios e certificados – O produtor ou agroindústria do chocolate artesanal mais votado receberá R$ 6.000 e certificado do “Prêmio CNA Brasil Artesanal 2021 – Chocolate”. O segundo colocado receberá certificado e R$ 4.000. O terceiro, quarto e quinto colocados receberão certificados de participação e R$ 2.500, R$ 1.500 e R$ 1.000, respectivamente. Já os sexto e sétimo lugares receberão certificados de participação.

Leia Também:  Quem compra o mel e as ceras de abelha do Brasil?

Edição – Essa é a terceira edição do Prêmio Brasil Artesanal. Criado em 2019, a primeira edição reconheceu os cinco melhores chocolates artesanais do Brasil produzidos por mulheres.

Para outros esclarecimentos sobre o prêmio, envie e-mail para: [email protected]

Assessoria de Comunicação CNA

Foto: Wenderson Araujo

Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA