PORTO VELHO

Agronegócio

BOI/CEPEA: Fraca demanda pressiona valores da carne

Agronegócio


Cepea, 04/06/2021 – Depois de operarem no encerramento de abril nas máximas nominais da série do Cepea, os preços da carne bovina recuaram ao longo de maio no mercado atacadista da Grande São Paulo. No dia 31 de maio, a carcaça casada bovina foi negociada a R$ 19,80/kg, à vista, acumulando queda de 2,65% frente à média verificada no dia 30 de abril. Trata-se, inclusive, da primeira queda no acumulado de um mês neste ano. De acordo com pesquisadores do Cepea, a pressão vem da demanda interna bastante enfraquecida, tendo em vista o atual contexto econômico, o desemprego elevado e o consequente poder de compra fragilizado da maior parte da população brasileira. Além disso, os preços competitivos das principais carnes concorrentes, a suína e avícola, reforçam a menor procura pela proteína bovina. Agentes de frigoríficos consultados pelo Cepea indicam dificuldades em vender a carne nos atuais patamares. Assim, enquanto as unidades de abate habilitadas a exportar acabam tendo as vendas internacionais como “válvula de escape” – favorecidas especialmente pelo dólar elevado e pela demanda externa aquecida –, as que trabalham apenas com o mercado brasileiro relatam estar com as margens apertadas. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Leia Também:  Novas regras de trânsito têm impacto no campo
Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Novo diretor-geral da Adab visita a Faeb

Publicados

em


Na tarde desta terça-feira, 22, o novo Diretor-Geral da ADAB, Celso Duarte, e o Diretor de Defesa Sanitária Animal, Carlos Augusto, visitaram a sede do Sistema Faeb/Senar, para um encontro com o presidente do Sistema, Humberto Miranda e diretoria.

O encontro teve o objetivo de estreitar ainda mais a relação entre as duas entidades, que são parceiras em diversos projetos de capacitação e fortalecimento do agro baiano, a exemplo do III Fórum Estadual sobre Febre Aftosa ocorrido em abril; o Podcast do Agro, lançado este ano; além de cursos e webinários destinados ao setor agropecuário. Também foram discutidos temas importantes como o CIAPEC, Selo Arte, Agilização da Inspeção Animal e Vegetal e Terceirização dos Serviços de Defesa e Inspeção.

Estiveram presentes também o vice-presidente Administrativo Financeiro, Guilherme Moura; o vice-presidente de Desenvolvimento Agropecuário, Rui Dias; o assessor jurídico da FAEB, Carlos Bahia; e os assessores técnicos do Senar Bahia, Luiz Sande e Carlos Rio.

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cadeia produtiva do coco em Trairi, no Ceará, recebe pela primeira vez Assistência Técnica do AgroNordeste - ATeG
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA