PORTO VELHO

Agronegócio

Empresários fazem contatos e fecham negócios em Dubai

Agronegócio


Brasília (17/02/2022) – A missão da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) que está em Dubai esta semana tem proporcionado a empresários brasileiros a troca de experiências e vários contatos nas visitas a feiras e eventos na cidade.

O intuito é fazer uma prospecção em busca de novas oportunidades de negócios no Oriente Médio e a programação tem permitido à delegação conhecer mais sobre a cultura e os hábitos de consumo dos árabes. O grupo de empresários que Klaus faz parte está em Dubai desde o dia 13.

Na quarta (16), o grupo voltou à Gulfood e à Expo Dubai, duas grandes feiras importantes da região. E foi na Gulfood que o representante da empresa Amidos Mundo Novo, Ivan Klaus, concretizou a venda de 200 toneladas de fécula de mandioca para o Líbano.

“Os resultados nos surpreenderam, os números são satisfatórios, saímos daqui com contatos e conexões para o mundo. A Gulfood nos abriu a oportunidade de mostrar o produto brasileiro para todos os mercados da Europa, Canadá, Estados Unidos e Oriente Médio”, disse.

Leia Também:  Churrasco de Tambaqui entra para o recorde nacional

Klaus explicou que o Líbano já estava no radar da empresa porque compram fécula de mandioca de outros países, como da Ásia. “O contato já tinha começado antes da feira, mas hoje efetivamos. Agora temos a mandioca brasileira, da agricultura familiar, sendo colocada à mesa de país estratégico.”

O empresário ressalta que a visita à Gulfood superou as expectativas e agradeceu à CNA pela oportunidade de estar na missão.

“Agradeço a todos os envolvidos que deram a oportunidade para nós, pequenos e médios produtores, trazermos nossos produtos para países estratégicos, mostrando o agro brasileiro para o mundo inteiro”.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Com demanda superior à oferta, preços da laranja seguem em alta

Publicados

em

Mesmo com as mudanças de temperatura durante esta semana, que poderiam ter influenciado o consumo, a demanda por laranjas permaneceu superior à oferta. Diante disso, os preços da fruta seguem em alta.

De segunda a quinta-feira (15-18), a laranja pera teve preço médio de R$ 37,15/cx de 40,8 kg, na árvore, com aumento de 0,67% em comparação com o da semana passada. Para a lima ácida tahiti, os valores também seguem em elevação. Nesta semana, a tahiti tem média de R$ 45,55/cx de 27 kg, colhida, aumento de 9,74% frente à do período anterior.

Além da baixa oferta devido ao próprio calendário da colheita da fruta, alguns compradores ainda têm relatado dificuldades para encontrar lotes de boa qualidade.

Fonte: AgroPlus

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Com ATeG do AgroNordeste, apicultor triplica produção de mel
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA