PORTO VELHO

Esporte

Atlético MG duela visando a liderança na Copa Libertadores

Esporte


A liderança do Grupo H da Copa Libertadores da América estará em jogo na noite desta terça-feira (4), quando o Galo entrar em campo para enfrentar o Cerro Porteño, do Paraguai. A bola vai rolar às 19h15, no Mineirão.
Os dois times somam quatro pontos na tabela de classificação e os paraguaios estão em primeiro lugar por um gol a mais de saldo.
“É um jogo importantíssimo”, afirma o meio-campista Tchê Tchê. “É importante estar bem focado e forte mentalmente porque vai ser um jogo bem duro e difícil”, diz.
Galo e Cerro se enfrentaram seis vezes, todas pela Libertadores. Em 1972, empate por 1 a 1 no Mineirão e derrota por 1 a 0 no estádio Defensores del Chaco. No ano de 1981, o Galo venceu por 1 a 0, no Paraguai, e empatou por 2 a 2, no Mineirão. Já em 2019, duas derrotas: 1 a 0 no Mineirão e 4 a 1 em Assunção.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Flamengo perde para o Vasco pelo Campeonato Carioca
Propaganda

Esporte

Pirani vibra com ‘sonho realizado’ e quer Santos vivo no Paulista: “Vamos lutar até o fim”

Publicados

em


Com a goleada por 5 a 0 sobre o The Strongest na última terça-feira (4), na Vila Belmiro, pela 3ª rodada da fase de grupos da Conmebol Libertadores, o Santos FC voltou a vencer após cinco jogos de jejum na temporada. E o resultado diante dos bolivianos contou com a ótima colaboração da Gabriel Pirani.

O meia, de apenas 19 anos, foi o autor da assistência para Marinho abrir o placar antes do primeiro minuto e também anotou o segundo tento do Peixe na goleada. Empolgado com a boa apresentação no torneio continental, o camisa 20 vibrou com o sonho realizado.

“Foi um momento especial demais. Não só meu, mas também de toda a minha família. É uma luta diária que a gente tem para chegar no objetivo. Marcar um gol com essa camisa numa Libertadores é um sonho realizado. Tudo isso é fruto de muito trabalho. Agora é trabalhar mais ainda para que novos sonhos se realizem”, afirmou Pirani.

Com a esperança reavivada na Conmebol Libertadores, o Santos FC agora muda seu foco no Campeonato Paulista. O Alvinegro Praiano encara o Palmeiras nesta quinta-feira (6), às 21h, no Allianz Parque, pela 11ª rodada, e precisa da vitória para seguir sonhando com a classificação para as quartas de final do torneio.

  Fluminense vence o Santos e atinge sete jogos sem perder

Leia Também:  Abel analisa vitória na Argentina e elogia atuação de Rony: ‘Fruto do trabalho dele’

Antes disso, porém, os santistas precisam dar uma ‘secada’ no Guarani. Na segunda colocação do grupo D, com 14 pontos, a equipe de Campinas faz clássico com a Ponte nesta quarta (5), às 21h, no Moisés Lucarelli. Caso consiga a vitória diante da Macaca, o Bugre consegue a vaga e elimina matematicamente o Santos FC do Paulistão.

“Vamos secar um pouco o Guarani contra a Ponte, sim. Mas temos que fazer a nossa parte também contra o Palmeiras. Vamos lutar até o fim e dar o máximo para vencer o clássico também. Sabemos que a situação no Paulista é difícil, mas vamos seguir lutando”, concluiu Pirani.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA