PORTO VELHO

Geral

TV Brasil estreia telejornais locais no DF, RJ e SP

Geral


A TV Brasil estreia, amanhã (5), os telejornais locais Repórter DF, o Repórter Rio e o Repórter São Paulo. Ágeis e confiáveis, os noticiários têm 15 minutos de duração e entram no ar de segunda a sexta-feira, ao vivo, ao meio-dia, logo antes do Repórter Brasil Tarde, apresentado pelo experiente jornalista Luiz Carlos Braga.

Giulianno Cartaxo, em Brasília; Munike Moret, no Rio de Janeiro; e Vivian Costa, na capital paulista, levam aos espectadores dessas regiões metropolitanas dicas de trânsito, previsão do tempo, flashs ao vivo, prestação de serviços. O conteúdo será transmitido simultaneamente no canal da TV Brasil, no YouTube.

A contratação dos três apresentadores é parte do momento de renovação da programação e do Jornalismo da TV Brasil. O comentarista político Ricardo Caldas também passa a integrar o time de profissionais da EBC, neste mês.

Com larga experiência em telejornalismo na capital federal, Giuliano Cartaxo chega à TV Brasil após 14 anos na Rede Record, onde foi apresentador do programa Balanço Geral e do telejornal DF no Ar. De acordo com ele, a prestação de serviços será um dos principais focos do telejornal. “Vamos mostrar para nosso morador do quadradinho quais são os principais serviços que ele vai encontrar naquele dia: se tem vaga de emprego, como está o tempo, trânsito e as principais decisões políticas do GDF, que vão impactar no dia a dia dele”.

TV Brasil / Telejornais / nova programaçãoTV Brasil / Telejornais / nova programação

TV Brasil / Telejornais / nova programação, por Marcello Casal jr/Agência Brasil

Munike Moret tem mais de 15 anos de carreira jornalística. Neste período, teve passagem marcante Record TV em que fez reportagens especiais e diversas coberturas importantes no município fluminense. A jornalista foi repórter dos programas Fala Brasil, Jornal da Record, Domingo Espetacular, Repórter Record, Cidade Alerta, Balanço Geral, RJ no Ar e Hoje em Dia. A poucos dias da estreia, Munike revela sua expectativa para a estreia do noticiário. “O Repórter Rio é um jornal diário com uma nova proposta para a hora do almoço. A ideia é fazer um bate-papo informal e com agilidade. Marcado pela interação com o público. Vamos trazer assuntos precisos e com conteúdo de qualidade para quem não tem tempo a perder”, comenta Munike.

TV Brasil / Telejornais / nova programaçãoTV Brasil / Telejornais / nova programação

TV Brasil / Telejornais / nova programação – Tomaz Silva/Agência Brasil
Leia Também:  Pesquisa será base para campanha sobre descarte de EPIs domésticos

A jornalista Vivian Costa, nascida e criada em São Paulo, passou por diversos veículos em sua trajetória na televisão. Foi repórter na TV Cultura, Repórter e produtora do jornal Leitura Dinâmica, repórter e produtora do SBT. Em sua passagem pela Rede TV!, Vivian Costa atuou como correspondente internacional da Rede TV, na Ásia, e ainda, foi repórter e chefe de Reportagem, do RedeTV News. A apresentadora compartilha o entusiasmo com a estreia. “É um novo e grande desafio. Uma responsabilidade imensa levar toda a experiência como jornalista, especializada em televisão, hard news, para contribuir com a comunicação pública e fazer um jornal dinâmico e profundo”, define.

TV Brasil / Telejornais / nova programaçãoTV Brasil / Telejornais / nova programação

TV Brasil / Telejornais / nova programação, por Rovena Rosa/Agência Brasil

Repórter Brasil

O Repórter Brasil Tarde está com novo horário. O encontro com público vai ser às 12h15 e terá 45 minutos de duração, 10 minutos a mais que anteriormente. O telejornal noturno Repórter Brasil continua às 19h e vai entregar mais 10 minutos de informação ao público.

O jornalismo das Rádios EBC chega à TV Brasil. De segunda a sexta, a partir das 7h30, o tradicional Repórter Nacional, da Rádio Nacional, inova faz um giro de 30 minutos de informações com tudo o que você precisa saber para começar o dia bem informado.

Leia Também:  Registros de óbitos crescem 40% no 1º trimestre de 2021 no Brasil

Sem Censura

O Sem Censura está de volta sob o comando da jornalista e escritora Marina Machado. Com 35 anos de história, o programa volta às origens com grandes entrevistas e debatedores discutindo assuntos da atualidade sobre diversos temas como comportamento, cultura, política, educação, entretenimento, saúde, esporte e tecnologia. Toda segunda às 21h30.

Os Dez Mandamentos

A teledramaturgia ganha a tela da TV Brasil com a estreia de Os Dez Mandamentos, adaptação bíblica que narra a trajetória de Moisés na libertação do povo de Israel. A novela vai ao ar de segunda-feira a sábado às 20h30 com reapresentação às 0h45.

As novidades não param. Tem estreia e novas temporadas de atrações infantis e infanto juvenis na TV Brasil Animada, Valentins, Detetives do Prédio Azul, Os Chocolix, Martin Manha, A Mirette Investiga, entre outros.

Ao vivo e on demand

Acompanhe a programação da TV Brasil pelo canal aberto, tv por assinatura e parabólica. Veja como sintonizar no site da TV Brasil.

Os programas favoritos dos telespectadores também estão disponíveis no TV Brasil Play, aplicativo para plataformas Android e iOS, além do site http://play.ebc.com.br.

Edição: Kelly Oliveira

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Geral

Polícia Federal investiga fraude na concessão do auxílio emergencial

Publicados

em


A Polícia Federal (PF) e a Receita Federal deflagraram hoje (26) em Guarapari, no Espírito Santo, a Operação Mendacium, visando combater crimes de fraudes no benefício do Auxílio Emergencial, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

A ação conta com a participação de cinco policiais federais e dois auditores da Receita que cumprem um mandado de prisão preventiva e um de busca e apreensão. Foi determinado, também, o bloqueio de bens de um investigado. Segundo a PF, foram apreendidos, no local da busca, equipamentos de mídia em geral e um documento falso.

“A operação apura o cometimento de crimes de falsidade ideológica, estelionato contra a União e lavagem de capitais, decorrentes do recebimento indevido do auxílio emergencial do governo federal, em razão da pandemia associada à covid-19”, informou a Polícia Federal.

O investigado praticou fraude utilizando pelo menos seis nomes diferentes, “através do uso de documentos, como, por exemplo, diversos CPFs (Cadastro de Pessoa Física) falsos para receber esses auxílios”, acrescentou a PF.

O próximo passo da investigação abrange a preparação de laudo pericial e a análise dos equipamentos de mídia, na expectativa de verificar a participação de outros envolvidos. Os nomes dos investigados ainda não foram divulgados.

Leia Também:  Polícia combate suspeitos de venda de imóveis ilegais no Rio

Edição: Kleber Sampaio

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA