PORTO VELHO

Brasil

OMS confirma mudança de nome da varíola dos macacos para Mpox

Brasil

OMS confirma mudança de nome da varíola dos macacos para Mpox
Reprodução/NIAD 13.08.2022

OMS confirma mudança de nome da varíola dos macacos para Mpox

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou, nesta segunda-feira (28), a mudança do nome da varíola do mascacos, monkeypox em inglês, para Mpox.

O OMS destaca que ambos os nomes poderão ser utilizados durante um período de um ano para que as pessoas se acostumem com a nova nomenclatura.  Segundo a organização, o termo Mpox pode ser usado em todas as línguas.

“Quando o surto de varíola símia se expandiu no início deste ano, linguagem racista e estigmatizante online, em outros ambientes e em algumas comunidades foi observada e relatada à OMS. Em várias reuniões, públicas e privadas, vários indivíduos e países levantaram preocupações e pediram à OMS que propusesse uma maneira de mudar o nome”, afirma a organização, em comunicado.

Ainda em junho, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, anunciou que a entidade estava trabalhando com parceiros e especialistas para uma nova nomenclatura ‘não discriminatória’ em relação à varíola dos macacos.

Em agosto, quando lançou a consulta pública para o novo termo, uma porta-voz da OMS explicou que “é muito importante que encontremos um novo nome para a varíola dos macacos, porque esta é a melhor prática para não criar nenhuma ofensa a um grupo étnico, uma região, um país, um animal”.

Leia Também:  EBC firma acordo com TV Encontro das Águas, do Amazonas

As críticas ao nome começaram devido à menção ao macaco. Assim como a gripe espanhola não surgiu na Espanha, a varíola dos macacos não tem os animais como hospedeiros da doença.

A ligação incorreta chegou a ser encarada como a causa de envenenamentos e ferimentos a macacos de uma reserva natural em Rio Preto, no Estado de São Paulo, em agosto.

Além do problema com o nome do animal, em junho, 30 especialistas ao redor do mundo fizeram uma publicação pedindo a alteração no nome da doença e das variantes do vírus devido ao estigma criado em relação à África.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Leia Também:  Taxa de recusa em responder ao Censo é duas vezes maior em São Paulo

Fonte: IG SAÚDE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasil

Bolsonaro liga para aliados e pede votos contra o PT no Senado

Publicados

em

O ex-presidente Jair Bolsonaro falando ao celular no início do mandato
Isac Nóbrega/PR – Jan/2019

O ex-presidente Jair Bolsonaro falando ao celular no início do mandato

Jair Bolsonaro entrou de cabeça na campanha de Rogério Marinho à presidência do Senado, que tem votação marcada para quarta-feira, quando também será escolhido o presidência da Câmara.

Desde a última sexta-feira, de acordo com informações publicadas pelo jornal “O Estado de São Paulo”, o ex-presidente, que ainda está na Flórida, passou a telefonar para aliados pedindo que votem em Marinho e, principalmente, “contra o PT”. 

Na eleição, o ex-ministro do Desenvolvimento Regional, Marinho vai enfrentar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que é candidato à reeleição e concorre com o apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do PT. Outro candidato é o senador Eduardo Girão, visto como linha auxiliar de Marinho.

Para ser eleito, o candidato precisa de 41 votos. A expectativa é que, neste sábado, o Centrão, formado por PP, PL e Republicanos, oficialize o bloco pró-Marinho. Os três partidos reúnem 23 senadores.

Mesmo assim, Rodrigo Pacheco, segue favorito. Porém, por se tratar de uma votação fechada, o temor é grande por “traições” de ambos os lados.

Leia Também:  Rio: Justiça condena PM pela morte de 4 jovens em saída de festa

No momento, principal missão de Bolsonaro é tentar virar votos de aliados que podem apoiar Rodrigo Pacheco, como Romário (PL-RJ) e Wellington Fagundes (PL-MT). 

Fonte: IG Nacional

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA