PORTO VELHO

Polícia

PF faz operação contra rede de tráfico de mulheres e exploração sexual

Polícia

 

São cumpridos hoje (27), pela Polícia Federal (PF), oito mandados de prisão e nove de busca e apreensão em uma operação contra o tráfico de mulheres. Entre as ordens de prisão, cinco foram incluídas na lista da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol) devido à suspeita de que os investigados possam estar no Paraguai, nos Estados Unidos, na Espanha e Austrália.

As ações de busca foram autorizadas pela 1ª Vara da Justiça Federal em Sorocaba, no interior paulista, e estão sendo cumpridas na capital paulista, em Goiânia (GO), Foz do Iguaçu (PR), Venâncio Aires (RS), Lauro Freitas (BA) e Rondonópolis (MT).

Segundo a PF, as investigações foram iniciadas em 2019 após a constatação de que um grupo de estelionatários teria usado cartões de crédito clonados para comprar passagens aéreas para mulheres que foram enviadas a Doha, no Catar, para serem exploradas sexualmente.

O inquérito mostrou que uma rede de aliciadores atuava no Brasil e no exterior para aliciar mulheres para serem exploradas tanto no Brasil, quanto em outros países. De acordo com a polícia, parte das vítimas recrutadas no Paraguai era menor de 18 anos.

Leia Também:  A ponta do novelo...Rondônia – PF diz que petista recebeu R$ 8,7 milhões entre 2008 e 2014 para atuar a favor de projetos das Usinas do Madeira

Edição: Graça Adjuto

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Polícia apreende 300 quilos de cocaína no Rio de Janeiro

Publicados

em

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu hoje (5) 300 quilos de cocaína durante uma operação no Arco Metropolitano do Rio de Janeiro (BR-493). Segundo a PRF, essa foi a terceira maior apreensão da droga na história da instituição, no Rio de Janeiro.

A cocaína foi encontrada em um compartimento especial, dentro de um veículo de carga, durante uma abordagem na altura de Seropédica. Para encontrar a droga, os policiais pediram ajuda da concessionária CCR Nova Dutra para cortar a carroceria do caminhão.

O motorista, cujo nome ainda não foi revelado, foi preso em flagrante e contou que trazia a droga de Belo Horizonte. Ele entregaria a carga em um posto na BR-040, no Rio de Janeiro. Estima-se que o carregamento ilícito vale R$ 12 milhões no mercado ilegal de venda de cocaína.

Edição: Kleber Sampaio

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Fiscalização fecha festa clandestina com 142 pessoas em São Paulo
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA