PORTO VELHO

Política

Deputado Laerte Gomes confirma recurso para atender demandas do Projeto Polícia Militar Mirim de Presidente Médici

Política


Em visita ao município de Presidente Médici, o deputado Laerte Gomes (PSDB) esteve no Instituto Educacional SGT de Lima, responsável pelo Projeto Polícia Militar Mirim, coordenado pela SGT PM Juliana Guariento que, por sua dedicação e profissionalismo, tornou-se referência para o estado de Rondônia.

Dentro do contexto da filosofia de amparo à criança e adolescente, a Polícia Militar Mirim de Presidente Médici, tem como objetivo, preservar, garantir e fortalecer os laços familiares, escolares, religiosos, levando o adolescente a entender que a convivência fraternal entre ele e a sociedade que o rodeia, é fator determinante para seu crescimento pessoal e profissional.

Anualmente, a Polícia Mirim atende 100 crianças e adolescentes, de 12 a 18 anos que, no dia a dia recebem instruções de Educação Ambiental, Proerd, Libras, Orientação no Trânsito, Orientação Sexual, Ordem Unida, noções de Direito, noções de Inglês, Cultura Religiosa, Primeiros Socorros, entre outros.

Além de receberem várias palestras de interesse dos jovens, a Polícia Mirim se faz presente em todos os eventos do município, realizando apresentações de Ordem Unida, bem como prestando serviços à comunidade.

Leia Também:  Deputado Adelino Follador parabeniza Carla Redano pela vitória em Ariquemes

A comandante da Polícia Militar Mirim, SGT PM Juliana Guariento, também é instrutora do Programa Educacional de Resistências às Drogas (Proerd), que tem a finalidade de prevenir a autodestruição do jovem na sociedade elevando a autoestima, fazendo com que ele se sinta importante e valorizado na busca de um desenvolvimento pleno, tornando-se um indivíduo consciente de suas obrigações e responsabilidades.

O deputado Laerte Gomes, admirador e apoiador do projeto, já destinou recursos que, na época, foram investidos na aquisição de carteiras escolares, eletrodomésticos, materiais de mídia e notebooks. Nesta última visita, em atendimento a demandas apresentadas pela SGT Juliana, o parlamentar confirmou recurso para a construção de refeitório e salão de oficinas.

“Sem dúvidas, tenho um enorme apreço por esse projeto que, de forma brilhante, trabalha o desenvolvimento dessas crianças e adolescentes, transformando-as em pessoas de bem e que farão muita diferença no futuro promissor de cada um destes alunos, tanto no lado pessoal como no profissional. Parabéns a todos os envolvidos e podem contar sempre com o meu apoio”, concluiu o deputado Laerte Gomes.

Leia Também:  "Escorregando no banheiro": Governador Marcos Rocha esquece da reforma da previdência no Estado

Texto: Juliana Martins-ALE/RO

Foto: Assessoria

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Encerrada oficina sobre Novo Acordo Ortográfico a servidores da ALE

Publicados

em


Durante três dias assessores dos gabinetes dos deputados da Assembleia Legislativa (ALE), estiveram envolvidos com a oficina sobre “Novo Acordo Ortográfico”. A disciplina é parte da iniciativa da Escola do Legislativo (EL) e tem como finalidade aperfeiçoar o atendimento a deputados e ao público em geral.  

A oficina teve 9 horas/aula de duração e foi aplicada durante três dias seguidos (de terça-feira a quinta-feira) das 9 horas às 12 horas. Participaram dois assessores de cada gabinete dos parlamentares.  

O representante pedagógico da EL orientou sobre os trabalhos de aperfeiçoamento e especialização dos servidores da ALE, seguindo orientação do presidente Alex Redano (Republicanos), que “está sempre disposto a apoiar as iniciativas da escola, que trabalha constantemente na qualificação profissional dos servidores”, argumenta o diretor-geral, Fábio Ribeiro.  

A escola tem inúmeros cursos e oficinas, que são aplicados com regularidade na qualificação do servidor público, trabalho que está sendo prejudicado pela pandemia, que preocupa e assusta o planeta. Segundo Fábio Ribeiro, a prioridade da escola é aprimorar o servidor público da Casa de Leis, “mas os cursos e oficinas também são abertos às câmaras de vereadores, prefeituras e aos demais órgãos públicos federais, estaduais e municipais e as vagas remanescentes abertas à comunidade”.  

Todos os concluintes receberão certificados.  

Leia Também:  "Escorregando no banheiro": Governador Marcos Rocha esquece da reforma da previdência no Estado

Texto e foto: Assessoria de imprensa da Escola do Legislativo-ALE/RO 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA