PORTO VELHO

Política

Deputado requer relatório da Sesau sobre atividades da Unidade de Saúde Social Fluvial Walter Bártolo

Política

Em requerimento encaminhado ao Governo do Estado e para a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), o deputado Dr. Neidson solicitou cópias de relatórios de todas as viagens realizadas com a Unidade de Saúde Social Fluvial Walter Bártolo e a relação de todos os servidores, com suas respectivas remunerações, no período de janeiro de 2015 a dezembro de 2018.

Ainda em seu requerimento, o parlamentar pediu informações sobre quais localidades foram atendidas, o quantitativo de atendimento por serviço prestado e duração de cada missão do projeto pela embarcação hospitalar.

O objetivo da criação do projeto Unidade de Saúde Social Fluvial Walter Bártolo, segundo Dr. Neidson, é levar assistência às famílias ribeirinhas, indígenas e extrativistas com mais de sete tipos de atendimento.

O deputado é um dos apoiadores do projeto, tendo destinado R$ 25 mil de emenda parlamentar para auxiliar a Secretaria Especial da Saúde Indígena (Sesai) com os custos gerados com o deslocamento.

“Busco, através deste requerimento, assegurar excelência na qualidade dos serviços prestados, sendo necessário constantes fiscalizações das atividades realizadas e a qualidade desses atendimentos às comunidades assistidas”, explicou Dr. Neidson.

Leia Também:  Adelino Follador visita Campo Novo de Rondônia recebe pedidos de recursos e verifica aplicação de emendas

Texto: Juliana Martins
Foto: Thyago Lorentz

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Presidente da Assembleia rejeita pedido da defesa e quer decisão judicial que manda cassar Geraldo da Rondônia acatada

Publicados

em

 

Alex Redano disse que não pode tomar a decisão sozinho, mas adiantou o seu posicionamento

O presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), disse que rejeitou pedido da defesa do deputado Geraldo da Rondônia, para suspender o procedimento que pode levar à cassação de seu mandato, e defendeu que a decisão judicial seja acatada pela Casa de Leis.

“Nesta manhã (09), estava convocada uma reunião da Mesa Diretora, para tratar sobre o procedimento de cassação do deputado Geraldo da Rondônia, em razão de condenação e suspensão dos seus direitos políticos. A defesa do parlamentar apresentou um pedido de suspensão dessa decisão da Mesa, até que seja julgada uma liminar impetrada na justiça, mas não acatei esse pedido”, disse Redano.

De acordo com o presidente, “rejeitei o pedido da defesa e o procedimento continua, vamos convocar nova reunião da Mesa Diretora, pois infelizmente hoje não reunimos quórum para a deliberação. Mas, quero registrar o meu posicionamento, lavrado em ata, de que sou favorável ao cumprimento da determinação judicial, pela perda do mandato de Geraldo da Rondônia. Mas, não é uma decisão que posso tomar sozinho, mas sim pelo colegiado”.
Geraldo da Rondônia foi condenado a dois anos de prisão e a suspensão de seus direitos políticos. O juiz da 3ª Vara Criminal Federal, Walisson Gonçalves Cunha, encaminhou a decisão ao Parlamento, para a cassação de seu mandato, após o trânsito em julgado.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em mais um evento itinerante, PSDB faz filiações na Zona Sul de Porto Velho 
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA