PORTO VELHO

Política

Laerte Gomes pede urgência para DER providenciar certificação de funcionamento do Aeroporto de Ji-Paraná

Política

Parlamentar elencou medidas que deverão ser tomadas de acordo com normas técnicas da ANAC e Decea

Em regime de urgência, o presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSFB) indicou ao Poder Executivo que, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) sejam tomadas as medidas administrativas e operacionais necessárias que venham garantir as certificações de funcionamento do Aeroporto de Ji-Paraná, perante a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea).

Segundo Laerte Gomes, a certificação do Aeroporto de Ji-Paraná é de extrema necessidade por servir de base de apoio logístico para todo o estado.

“É um aeroporto referência de localização, justamente por se encontrar na parte central de Rondônia. E mais, ele pode favorecer a economia e o turismo, além de ser estratégico para as áreas de segurança pública e serviços de saúde”, enfatiza o presidente.

O presidente explica que o processo de certificação operacional de aeroportos é o meio pelo qual é realizada uma avaliação da infraestrutura do aeródromo e da capacidade do seu operador em cumprir os regulamentos técnicos da ANAC relativos à segurança operacional e em resposta à emergência aeroportuária.

Leia Também:  Deputado Alan Queiroz atende pedido de vereador Samir Ali e libera recurso para a saúde de Vilhena

A aprovação do Decea, ligado à Força Aérea Brasileira (FAB), responsável pela Certificação Operacional dos aeroportos, assim como a avaliação da ANAC são obrigatórias.

“Agora só depende da capacidade de agir do DER. Os equipamentos necessários estão instalados, inclusive, uma Estação Metereológica automática, já em funcionamento, que precisa ser certificada”, conclui o presidente Laerte Gomes.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Política

Está na conta da prefeitura de Cacaulândia R$ 300 mil para compra de tubos e patrolamento de estradas

Publicados

em


Já está na conta da prefeitura de Cacualândia o valor de R$ 300 mil, em duas emendas do presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), para a melhoria nas estradas vicinais e a troca de pontes de madeira por tubos corrugados.

Os R$ 300 mil em emendas, atendendo ao pedido dos vereadores Samira Pieper (PP) e João Ueverton, o popular Mongol (MDB), serão divididos em R$ 200 mil para a compra de tubos corrugados, para a troca de pontes e pontilhões de madeira na zona rural, e mais R$ 100 mil para o patrolamento das estradas vicinais do município, permitindo a locomoção e transporte da produção da zona rural.

“Os vereadores nos apresentaram os pedidos e de pronto atendemos, pois é o nosso compromisso apoiar os municípios, levando benefícios para a população, seja através de emendas ou de ações em parceria com o Governo”, afirmou Redano.

Os recursos foram liberados através do Departamento de Estradas de Rodagens (DER). Redano reforçou que o seu gabinete está à disposição do prefeito Danielzinho (DEM), e dos demais vereadores, para mais ações em favor da população de Cacaulândia.

Leia Também:  Projeto do deputado Cleiton Roque dá nova redação ao sistema de licenciamento ambiental

Texto: Eranildo Costa Luna-ALE/RO

Foto: Diego Queiroz-ALE/RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA