PORTO VELHO

Porto Velho

CULTURA – Porto Velho presta apoio logístico para entidades durante o Circuito Junino

Porto Velho

Arraial e demais atividades culturais serão levadas aos bairros da capital

Circuito junino retorna após dois anos de paralisação Com o avanço da vacinação e a queda no número de casos de covid-19, a Prefeitura de Porto Velho retoma o calendário de festas tradicionais. Na última sexta-feira (20), com a realização do 4º Arraial Municipal, foi aberto oficialmente o Circuito Junino, calendário de festividades organizadas por associações e grupos folclóricos com o apoio da Fundação Cultural (Funcultural). Estão previstos pelo menos 12 arraiais até o dia 25 de setembro.

Conforme explicou Altair dos Santos, diretor de Patrimônio da Funcultural, a Prefeitura apoia com logística de diferentes formas, estruturas de som, iluminação, banheiro, grade e outras, a depender da regularização e necessidade da entidade organizadora.

“Por isso, é importante as entidades estarem regularizadas e participarem dos chamamentos públicos para cadastramento. É muito importante apoiarmos esse processo de organização e produção, fazendo a política de organização para que Porto Velho conheça a nossa diversidade cultural, seja nos distritos, no entorno da cidade e também no baixo Madeira”, detalhou.

Conforme o calendário, a programação segue na próxima sexta-feira (27) com o Arraiá Flor do Cacto, que acontece até o dia 5 de junho no campo de futebol do Caladinho. Já de 10 a 19 de junho terá o Arraiá Leste, no campo de futebol do JK.

Leia Também:  ATENDIMENTO - Vacina contra a covid-19 retorna ao Porto Velho Shopping no sábado (2)

“Com a melhora da pandemia recolocamos na nossa cena a quadrilha e o boi bumbá. A gente recomeça a trazer as atividades culturais e o movimento dos grupos com toda uma cadeia por trás disso, movimentando a economia de todas as formas. As pessoas compram tecidos, aviamentos, enfeites e adereços. Isso fomenta a economia no comércio local, além da contratação de artistas”, concluiu Altair.

Texto: Renata Beccária
Foto: Leandro Morais

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Porto Velho

MELHORIA – Investimento em tecnologia traz mais celeridade aos processos do município

Publicados

em

Programas estão sendo implantados em diversas secretarias

Investimento busca dar ainda mais transparência aos processos do municípioUm amplo investimento em tecnologia tem trazido ainda mais transparência aos processos da Prefeitura de Porto Velho. Com mais de R$ 30 milhões investidos, o município busca otimizar esse sistema e continuar a prestar um serviço de qualidade à população.

“Esse valor é distribuído em várias melhorias, entre elas a aquisição de servidores, mais de 90 quilômetros de implantação de fibra ótica e a implantação do sistema e-TCDF, incluindo a capacitação de servidores, entre várias outras melhorias que seguem sendo aplicadas”, explica Saulo Nascimento, titular da Superintendência Municipal de Tecnologia da Informação (SMTI).

e-TCDF

O e-TCDF é um sistema que dá mais celeridade, segurança e autenticidade aos processos eletrônicos que são feitos dentro das secretarias. Ele é uma parceria, desde 2019, entre a Prefeitura de Porto Velho e o Tribunal de Contas do Distrito Federal, responsável pelo desenvolvimento e segurança do sistema.

Saulo Nascimento, superintendente da SMTI “Ele começou a ser implantado em 2021 através da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária, Habitação e Urbanismo (Semur), que hoje está com cerca de 98% dos processos já inseridos no programa e segue em expansão para as demais. Atualmente, já são atendidas a Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz), Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), Secretaria Municipal de Agricultura (Semagric), entre outras”, explica o superintendente.

Leia Também:  ASSISTÊNCIA SOCIAL - Cras Elizabeth Paranhos promove passeio a idosos no Parque Natural de Porto Velho

TRANSPARÊNCIA

Para a população, um dos benefícios desta implantação é poder acompanhar os processos de interesse comum. “Não apenas ligado à transparência, o e-TCDF está linkado ao sistema de licenciamento unificado que são, por exemplo, licenciamentos ambientais, de obras, de trânsito; é acompanhar o que a prefeitura está fazendo”, comenta Saulo.

Mais de 30 analistas foram treinados para implantar e utilizar o novo sistema. O treinamento segue sendo feito para servidores de diversas secretarias. O objetivo é concluir o treinamento e a implantação do sistema em 2023.

Texto: Larissa Vieira
Foto: Felipe Ribeiro

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Fonte: Prefeitura de Porto Velho – RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA