PORTO VELHO

Porto Velho

DISTRITO – Projeto normatiza processo de regularização fundiária em Jaci-Paraná

Porto Velho

 

Documento foi encaminhado para apreciação na Câmara Municipal

A meta da Prefeitura é regularizar cerca de 60% a 70% dos imóveis de Jaci-ParanáA Prefeitura de Porto Velho encaminhou para a Câmara Municipal Projeto de Lei que regulamenta a participação da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária, Habitação e Urbanismo (Semur) nos processos de regularização dos imóveis localizados na área urbana do distrito de Jaci-Paraná, que fica a 90 quilômetros do centro urbano de Porto Velho. O anúncio foi feito pelo prefeito Hildon Chaves.

O comunicado do prefeito aconteceu durante “live” nas plataformas digitais, em que ele falou sobre a política de regularização fundiária que está desenvolvendo.

“Iniciamos o projeto ainda na gestão passada. Já regularizamos praticamente toda área urbana dos distritos de Nova Califórnia e União Bandeirantes. Em União Bandeirantes foram aproximadamente 2.500 entregas. Agora chegou a vez de Jaci-Paraná”, declarou.

A regularização fundiária, segundo Hildon Chaves, leva dignidade e respeito aos moradores do distrito. Ele acentuou que todos serão beneficiados com a valorização de seus imóveis. Os moradores poderão, inclusive, obter financiamento para reforma e ampliação de suas propriedades, quer sejam residências ou comércios.

Leia Também:  Aplicação de vacina contra Covid-19 no Brasil começará por grupos de risco

Projeto de Lei foi encaminhado à Câmara MunicipalA meta da Prefeitura é regularizar cerca de 60% a 70% dos imóveis da região urbana do distrito. Ficam fora desta etapa somente os lotes que apresentarem alguma pendência.

INVESTIMENTOS

Hildon Chaves falou sobre alguns benefícios realizados em Jaci-Paraná. Citou a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento, a sede do Samu, construção da Praça do Comércio, nova sede do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Pe. Teodoro Crommo. Além de anunciar a drenagem e asfaltamento de 10 quilômetros de ruas no Distrito.

“Em breve, será feito o recapeamento asfáltico de mais três vias importantes de Jaci-Paraná, as quais se somarão aos quase 10 quilômetros de asfalto e as outras obras que foram feitas ali”, acrescentou.

O prefeito agradeceu o apoio do vereador Jurandir Bengala, que agradeceu ao prefeito pelas políticas públicas implementadas em benefício da população do distrito.

COMPENSAÇÃO

Jaci-Paraná conta com um investimento de R$ 30 milhões em bens e serviços, que faz parte do convênio de compensação celebrado entre a Prefeitura de Porto Velho e a Usina Santo Antônio Energia.

Leia Também:  DRENAGEM: Prefeitura prioriza limpeza de canais para conter alagamentos

Texto: Augusto Soares
Fotos: Leandro Morais e Renato Barbato

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Porto Velho

ENCONTRO – Novo diretor-presidente da Santo Antônio Energia reforça parcerias com o município

Publicados

em


Daniel Costa visitou a Prefeitura e falou sobre os investimentos na região

Prefeito lembrou que a SAE é uma das principais empresas do estado O recém-empossado diretor-presidente da Santo Antônio Energia (SAE), Daniel Faria Costa, visitou nesta quarta-feira (28) o prefeito Hildon Chaves e o vice-prefeito Maurício Carvalho, no Prédio do Relógio, sede da Prefeitura de Porto Velho. Durante o encontro foram reforçados os compromissos e parcerias entre a empresa e o município.

O prefeito Hildon Chaves lembrou que a SAE é uma das principais empresas do estado e que promove o desenvolvimento e progresso em diversos aspectos. “Além de gerar energia para Rondônia e Acre, tem a capacidade de atender diversas regiões do país e milhões de famílias”, disse.

A SAE é detentora da concessão energética por mais de 20 anos e, por conta disso, é forte na geração de emprego e renda, além de contribuir com os royalties.

Atualmente, estão em andamentos acordos relacionados à aplicação de recursos de compensação ambiental no distrito de Jaci-Paraná, a revitalização da Estrada de Ferro Madeira Mamoré (EFMM) e melhorias na Vila Teotônio.

Durante o encontro foram reforçados os compromissos e parcerias O diretor-presidente lembrou que desde que passou a operar em Porto Velho, a companhia faz investimentos bilionários e tem compromisso com a resolução da crise hídrica existente no país.

Leia Também:  INCLUSÃO - Vacinação conta com atendimento para pessoas com deficiência auditiva

“A nossa gestão atua junto aos órgãos e parceiros a fim de zerar pendências existentes e repensar as ações, sobretudo, por conta do impacto de caixa que temos todos os meses com o rateio do custo do sistema”, disse Costa. Ele destacou que a ideia é consolidar-se no mercado cada vez mais adverso e atuar de forma que haja uma maior visibilidade do empreendimento junto à população.

REGISTROS

Também participaram do encontro Solange Mendes Geraldo Ragazi David, membro efetivo independente e presidente do Conselho de Administração da SAE; o diretor de Operações em Rondônia, Dimas Maintinguer; além do secretário-geral de Governo (SGG), Fabricio Jurado, e o secretário adjunto, Devanildo Santana.

Texto: Etiene Gonçalves
Foto: Leandro Morais

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA