PORTO VELHO

Porto Velho

INFRAESTRUTURA – Ordem de serviço garante mais de R$ 17 milhões para obras no bairro Igarapé

Porto Velho

Pacote contemplará 20 ruas da região com drenagem, meio-fio e pavimentação

Prefeito anunciou relação de ruas contempladasA ordem de serviço para início das obras de infraestrutura no bairro Igarapé, zona Leste de Porto Velho, foi assinada na noite da última segunda-feira (16) pelo prefeito Hildon Chaves. Serão 10 quilômetros de asfalto, contemplando 20 ruas do bairro.

O pacote de infraestrutura completa conta com serviços de drenagem profunda e superficial, meio-fio e sarjeta, pavimentação e execução de passeio.

O valor do investimento é de mais de R$ 17 milhões, cerca de R$ 10 milhões de recursos próprios do município e o restante de repasse de emenda parlamentar. Ao assinar a ordem de serviço, Hildon lembrou da importância das parcerias com os diferentes poderes e reafirmou as metas estabelecidas pela Prefeitura.

“A Prefeitura de Porto Velho neste momento tem 28 obras em andamento nos quatro cantos da cidade e agora nós assinamos a ordem de serviço da 29ª obra. A partir de agora, também com o apoio do Governo do Estado, através do Tchau Poeira, a capacidade operacional da Prefeitura ganha um reforço enorme e nós iremos cumprir a meta de 150 quilômetros de asfalto na nossa cidade em 2022. No ano passado fizemos 120 e agora pretendemos ultrapassar os 150 quilômetros de asfalto”, afirmou o prefeito.

Leia Também:  Mega-Sena acumula de novo e pagará R$ 38 milhões, confira dezenas

Luiz Bezerra do Vale é morador do bairro Igarapé

Luís Bezerra do Vale é morador do Igarapé há quase 30 anos. Para ele, a ordem de serviço significa um sonho realizado. “É um dia importante para toda a comunidade. Há muitos anos, o bairro aguardava esse momento. Hoje é como se fosse a pedra fundamental desse sonho. A gente vê um esforço da prefeitura em iluminação e outras melhorias, mas a falta de infraestrutura dificultava o acesso a outros serviços como a postos de saúde, escolas entre outros”, comentou.

Para Carlos Alberto Ferreira da Silva, presidente do conselho fiscal da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais em Porto Velho (Apae), as obras representam mais acessibilidade para os cerca de 90 alunos da instituição localizada na rua Cristina, uma das beneficiadas pelo pacote.

O prazo para execução é de 18 meses e contempla as ruas Alba, Bom Jardim, Chapada dos Parecis, Chirlene Viviane, Cristina, Elizio Brandão, Francisco Barros, Inglaterra, José Fona, Maria de Lurdes, Pablo Picasso, Santo Amaro, Vera, Ana Nery, Fabia/Rua Leda, Coelho, Machado de Assis, Panteon, Wilman e um trecho da avenida Guaporé.

Leia Também:  INFRAESTRUTURA - Prefeitura reforça andamento de obras em diversas regiões de Porto Velho

REGISTROS

Participaram da solenidade de assinatura o vice-prefeito, Maurício Carvalho, a deputada federal Mariana Carvalho, o presidente da Câmara Municipal de Porto Velho, vereador Edwilson Negreiros, o secretário municipal de Obras e Pavimentação (Semob), Diego Lage, vereadores e secretários da administração.

Texto: Renata Beccária
Foto: Saul Ribeiro

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Porto Velho

MELHORIA – Investimento em tecnologia traz mais celeridade aos processos do município

Publicados

em

Programas estão sendo implantados em diversas secretarias

Investimento busca dar ainda mais transparência aos processos do municípioUm amplo investimento em tecnologia tem trazido ainda mais transparência aos processos da Prefeitura de Porto Velho. Com mais de R$ 30 milhões investidos, o município busca otimizar esse sistema e continuar a prestar um serviço de qualidade à população.

“Esse valor é distribuído em várias melhorias, entre elas a aquisição de servidores, mais de 90 quilômetros de implantação de fibra ótica e a implantação do sistema e-TCDF, incluindo a capacitação de servidores, entre várias outras melhorias que seguem sendo aplicadas”, explica Saulo Nascimento, titular da Superintendência Municipal de Tecnologia da Informação (SMTI).

e-TCDF

O e-TCDF é um sistema que dá mais celeridade, segurança e autenticidade aos processos eletrônicos que são feitos dentro das secretarias. Ele é uma parceria, desde 2019, entre a Prefeitura de Porto Velho e o Tribunal de Contas do Distrito Federal, responsável pelo desenvolvimento e segurança do sistema.

Saulo Nascimento, superintendente da SMTI “Ele começou a ser implantado em 2021 através da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária, Habitação e Urbanismo (Semur), que hoje está com cerca de 98% dos processos já inseridos no programa e segue em expansão para as demais. Atualmente, já são atendidas a Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz), Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), Secretaria Municipal de Agricultura (Semagric), entre outras”, explica o superintendente.

Leia Também:  RETORNO - 4ª Edição do Arraial Municipal acontece nos dias 20 e 21 de maio

TRANSPARÊNCIA

Para a população, um dos benefícios desta implantação é poder acompanhar os processos de interesse comum. “Não apenas ligado à transparência, o e-TCDF está linkado ao sistema de licenciamento unificado que são, por exemplo, licenciamentos ambientais, de obras, de trânsito; é acompanhar o que a prefeitura está fazendo”, comenta Saulo.

Mais de 30 analistas foram treinados para implantar e utilizar o novo sistema. O treinamento segue sendo feito para servidores de diversas secretarias. O objetivo é concluir o treinamento e a implantação do sistema em 2023.

Texto: Larissa Vieira
Foto: Felipe Ribeiro

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Fonte: Prefeitura de Porto Velho – RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA