PORTO VELHO

Porto Velho

MOBILIDADE – Obras da ciclovia na avenida Tiradentes seguem em ritmo acelerado

Porto Velho


70% dos trabalhos já foram executados pelas pastas municipais

Ciclovia terá 800 metros de extensãoCom foco na melhoria da mobilidade urbana e qualidade de vida da população, o município vem intensificando o ritmo de obras em diversos pontos de Porto Velho. Uma delas é a construção de 800 metros de ciclovia no centro da avenida Tiradentes, zona Norte, onde os trabalhos já estão 70% concluídos.

A instalação compreende o trecho entre a avenida Chiquilito Erse (antiga Rio Madeira) e o retorno entre as ruas Buenos Aires e Uruguai.

Faltando apenas 30% para ser concluída, a obra segue em ritmo acelerado, sob a responsabilidade da Empresa de Desenvolvimento Urbano (Emdur) que realizou a instalação de luminárias, da Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), responsável pela sinalização após a conclusão das obras, e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema) que promoveu o plantio de mais de 80 mudas de árvores.

A previsão é de que, até a conclusão da obra, o local receba novas mudas de espécies nativas, além de outras 120 plantadas anteriormente. O projeto contempla que todo perímetro da pista fique arborizado.

Leia Também:  Mais de 100 cafeicultores de Rondônia superam pontuação de cafés especiais durante 6º Concafé

Prefeitura precisou reconstruir rede de drenagem da avenida TiradentesNOVA DRENAGEM

Para que a obra fosse iniciada, foi necessário a extração de árvores plantadas no local, cujas raízes danificaram o sistema de drenagem embaixo do canteiro central. O fato provocava constantes alagamentos na região e transtorno aos moradores.

Diante disso, foi preciso reconstruir toda drenagem para dar vazão às águas pluviais, obra que foi executada pela Secretaria Municipal de Obras (Semob).

Os trabalhos agora caminham para a fase de conclusão. Além de todo paisagismo, sinalização e iluminação, a pista ganhará um pergolado e investimento na iluminação.

“A sinalização da ciclovia ficará por conta de postes de metal e de concreto que receberão 40 lâmpadas de led com 150 watts cada. Essas lâmpadas garantem uma boa luminosidade, economia e durabilidade”, afirmou o presidente da Emdur, Gustavo Beltrame.

Texto: Augusto Soares
Foto: Emdur e Wesley Pontes

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Porto Velho

ESTRATÉGIA – Porto Velho ofertou testagem e vacinação contra a covid-19 em ação com o Ministério da Saúde

Publicados

em


Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, participou da ação diretamente de Manaus

Ação ocorreu no Centro de Referência da Mulher, na capital

Em uma ampla ação promovida pelo Ministério da Saúde, a prefeitura de Porto Velho ofertou, neste sábado (22), testagem e vacinação contra a covid-19. O público foi atendido das 9h às 13h, no Centro de Referência de Saúde da Mulher, no bairro Embratel.

Prefeito Hildon Chaves acompanhou ação em Porto Velho junto a autoridades“Nós saudamos a todos que vieram se vacinar ou fazer o teste. Neste ato, há a busca de preservação da saúde e, sobretudo, da vida. Movimentos como este, representam a vitória da ciência e da racionalidade sobre o obscurantismo”, declarou o prefeito Hildon Chaves na solenidade.

A ação também contou a presença do vice-prefeito Maurício Carvalho, que reiterou a necessidade da segunda dose e dose de reforço: “Nossa ação é contínua no município de Porto Velho que ocorre por conta do esforço feito pelos nossos servidores. Os casos positivos continuam, mas de forma leve, e isso é resultado da vacina”, declarou.

AÇÕES

Segundo a titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Eliana Pasini, os esforços têm sido constantes para dar maior cobertura de atendimento contra a doença. “A procura pela vacinação está dentro da normalidade. Hoje, as pessoas estão buscando mais testagem, tanto que, somente na mobilização deste sábado, mais de mil pessoas serão atendidas”, informou. Para a ação, a Semusa mobilizou mais de 80 servidores.

Leia Também:  Rondônia registra 42 novos casos da variante Delta do coronavírus em dez municípios

Vice-prefeito Maurício Carvalho destacou importância do ciclo vacinal completo A iniciativa de mobilização para estimular quem ainda não se imunizou e incentivar o retorno aos postos de vacinação para a segunda dose ou a dose de reforço foi ampliada pela Prefeitura. As Unidades Básicas de Saúde Manoel Amorim de Matos, Hamilton Gondim e a Unidade de Pronto Atendimento Ana Adelaide prosseguem com ações de testagem até às 18h.

A partir de segunda-feira (24), mesmo sendo feriado, teremos metade das Unidades Básicas de Saúde atendendo síndrome gripal e a outra com vacinação de rotina, covid-19 e demais atendimentos. A ideia é não misturar pacientes, diminuir a contaminação e atender melhor a população. Pedimos a compreensão da população, pois infelizmente não conseguimos atender num mesmo dia todos que buscam o serviço e usando toda a capacidade possível de servidores”, acrescentou Eliana.

REGIÃO NORTE

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, participou diretamente de Manaus (AM). Ele fez um relato das dificuldades enfrentadas pelo sistema único de saúde (SUS) para atender a todos, principalmente na região Norte, diante das dimensões continentais e áreas remotas.

Leia Também:  DIA DE FINADOS - Conheça a história do Cemitério dos Inocentes em Porto Velho

Vacinação segue disponível nas unidades de saúde “Já vencemos um momento de grande dificuldade. Hoje, sem dúvidas, estamos mais fortes. O SUS tem uma capacidade maior de atender os casos graves e, isso, se deve pelo fortalecimento feito a partir de 2020. Por outro lado, essa região não tem a mesma capacidade de resposta do que outras partes do país”, declarou.

CUIDADOS

Após três dias com sintomas leves, o auxiliar administrativo Geice Sebastião Silva dos Santos Júnior optou por buscar atendimento na testagem em massa. “Eu já tomei duas doses de vacina e aguardo a terceira. Vim fazer o teste, pois o quanto antes saber é melhor para evitar contato com meus pais e amigos”, contou.

REGISTROS

Em Porto Velho, o evento também contou com a participação da secretária-adjunta da Semusa, Marilene Penati, da deputada federal Mariana Carvalho, do secretário de Estado da Saúde, Fernando Máximo, do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Hélio Angotti, além de outras autoridades.

Texto: Etiene Gonçalves
Foto: Wesley Pontes

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA