PORTO VELHO

Porto Velho

Seosp finaliza projeto básico da obra de conclusão do Espaço Alternativo

Porto Velho


Projeto-de-conclusão-Espaço-Alternativo-PVH_03-02-2022_Projeto-Lucas Varanda

Projeto básico da obra de conclusão do Espaço Alternativo foi finalizado pela Seosp

Entre tantos pontos turísticos existentes em Porto Velho, o mais frequentado é o Espaço Alternativo, localizado na Avenida Governador Jorge Teixeira, próximo ao Hospital de Base Ary Pinheiro, sentido Aeroporto, zona Norte.

Buscando oferecer melhores opções de lazer às famílias, o básico da obra de conclusão do Espaço Alternativo. O local será contemplado com estacionamento amplo, bicicletário, ciclovia, elementos de comunicação visual, acessibilidade, entre outros.

O valor estimado do investimento perfaz um total de R$ 6.803.822,22 (seis milhões, oitocentos e três mil, oitocentos e vinte e dois reais e vinte e dois centavos). O início da obra está dependendo somente das partes burocráticas.

Projeto-de-conclusão-Espaço-Alternativo-PVH_03-02-2022_Projeto-Lucas Varanda.

O local irá receber obras e serviços para o conforto e segurança da população

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Site do TSE fica instável a 2 dias de fim do prazo para regularizar título de eleitor
Propaganda

Porto Velho

EDUCAÇÃO – Comitê Gestor certifica avanço na alfabetização em Porto Velho

Publicados

em

Alfabetiza Porto Velho vem sendo a principal ferramenta para alavancar a qualidade da educação municipal

Comitê reúne importantes atores de promoção a educação Importantes avanços na alfabetização de alunos do 1º ao 3º ano do ensino fundamental foram apontados durante a quarta reunião do Comitê Gestor do Programa Alfabetiza Porto Velho essa semana.

Formado na Secretaria Municipal de Educação (Semed) com parceiros do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO), Secretaria Municipal de Planejamento (Sempog) e Instituto Gesto, o comitê busca agir como força-tarefa para aumentar a qualidade do ensino nos primeiros anos escolares, cuidando para que a alfabetização seja realizada na idade certa.

De acordo com a Semed, em fevereiro a rede municipal de ensino tinha 31,6% de estudantes que não reconheciam letras do alfabeto nas turmas de 1º ao 3º ano do ensino fundamental, esse dado em julho foi reduzido para 6,8%.

Outro dado importante é a redução de alunos que não sabiam ler com fluência. Dos 62,9% dos estudantes que ainda não liam no início do ano letivo, em julho esse dado baixou para 26,5%, sendo que hoje 33,1% de estudantes lêem silabando, 23,4% lêem frases curtas e 17,1% lêem com fluência. A rede municipal de educação faz o monitoramento de cerca de 15 mil alunos matriculados no 1º, 2º e 3º ano do Ensino Fundamental.

Leia Também:  #PORTOVELHO: Transporte coletivo apenas  R$ 1 no “Domingão do CDL”

Comitê apontou avanço na alfabetização em Porto Velho“Esses números são o reflexo de um trabalho coletivo em prol da educação e de todo o empenho em oferecer aos alunos um ensino dinâmico e com planejamento pedagógico estratégico. Somos gratas aos profissionais envolvidos, que são verdadeiros parceiros nos esforços pela qualidade da educação infantil e ensino fundamental”, disse a Titular da pasta de educação, Gláucia Negreiros.

“Essa reunião teve como objetivo fazer um balanço das ações de implementação da política de alfabetização e destacar quais as ações e estratégias prioritárias para o segundo semestre de 2022”, completou.

Além da presença da secretária municipal de educação Gláucia Negreiros e lideranças da Semed e Sempog, a reunião teve a participação do presidente Paulo Cury, do TCE-RO e equipe técnica envolvida na implementação do Programa Alfabetiza Porto Velho.

AÇÕES DO COMITÊ

Algumas das ações realizadas pelo Programa Alfabetiza Porto Velho no primeiro semestre de 2022 merecem destaque nesse avanço, tais como formações presenciais com os professores de 1º, 2º e 3ºano, formação com supervisores e gestores escolares realizadas nos meses abril, junho e agosto, reuniões técnicas realizadas quinzenalmente entre lideranças da Semed e consultores do TCE-RO, acompanhamento mensal dos dados de alfabetização dos estudantes do 1º, 2º e 3º ano do ensino fundamental, através do Sistema de Monitoramento da Alfabetização (SMA), distribuição de apostilas de apoio aos estudantes, com conteúdo voltado para alfabetização, entre outras.

Leia Também:  PROAMPE - Porto Velho ganha agência de fortalecimento a pequenos e médios negócios

ALFABETIZA PORTO VELHO

O Programa Alfabetiza Porto Velho tem como principal objetivo alfabetizar 100% dos estudantes na idade certa, ou seja, até o final do 3º ano do ensino fundamental. Para que isso aconteça, ações estratégicas de formação, acompanhamento e monitoramento dos estudantes têm sido realizadas de forma sistemática e contínua ao longo dos meses.

Texto: Géri Anderson
Foto: Semed

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Fonte: Prefeitura de Porto Velho – RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA