PORTO VELHO

Rondônia

Cursos técnicos de qualificação profissional e formação inicial estão com vagas abertas e gratuitas

Rondônia

Alunos do Idep recebem certificado mediante participação em todas as atividades propostas

Estão abertas capacitações profissionais em diversas cidades de Rondônia, de forma 100% gratuita e com material didático incluso. As vagas são oferecidas pelo Governo do Estado, por meio do Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional – Idep e podem ser aproveitadas no site do Idep.

CURSOS TÉCNICOS

Para Porto Velho foram prorrogadas até dia 29 de maio, as inscrições para os Cursos Técnico em Eventos e Técnico em Guia de Turismo. Do eixo tecnológico Turismo, Hospitalidade e Lazer, os cursos têm previsão de início em 31 de maio e seguem até fevereiro de 2023.

As aulas acontecerão no período vespertino, na sede da Escola Técnica Estadual – Etec Porto Velho, localizada na Avenida Tiradentes, n° 3009 – Setor Industrial. Para participar é necessário ter como escolaridade mínima, a matrícula a partir do 1° ano do Ensino Médio ou ter concluído o Ensino Médio.

CURSOS PRESENCIAIS

Leia Também:  A FECOMÉRCIO APOIA O DOMINGÃO DO CDL

Ainda na Capital estão abertas as inscrições, até dia 26 de maio, para os Cursos de Formação Inicial em Empreendedorismo, Primeiros Socorros, Norma Regulamentadora NR06 (Equipamento de Proteção Individual), Norma Regulamentadora NR33 (espaço confinado), Norma Regulamentadora NR20 (Segurança e Saúde do Trabalho), Norma Regulamentadora NR35 (Trabalho em Altura), e o curso de Qualificação Profissional em Barbeiro.

Como pré-requisitos, é necessário atentar para a idade e escolaridade mínima, de acordo com o curso pretendido, além de usar um e-mail do Gmail para a inscrição. Também é necessário atentar para o local dos cursos, que acontecem na sede da Etec Porto Velho ou nas salas descentralizadas, nas Escolas Estaduais de Ensino Fundamental e Médio Orlando Freire e Flora Calheiros.

CURSOS REMOTOS

Diversos municípios recebem cursos na modalidade remota, até 26 de maio, tais como: Alta Floresta d’Oeste, Alvorada do Oeste, Ariquemes, Candeias do Jamari, Cacoal, Corumbiara, Espigão do Oeste, Guajará-Mirim, Ji-Paraná, Machadinho d’Oeste, Nova União, Ouro Preto do Oeste, Porto Velho, Rio Crespo, Rolim de Moura, São Felipe, São Francisco do Guaporé, São Miguel do Guaporé e Vilhena.

Leia Também:  Com investimentos do Estado para dar agilidade na regularização, moradores de Mirante da Serra recebem títulos urbanos 

As capacitações disponíveis são as Formações Iniciais em Etiqueta e Postura Profissional, Automaquiagem, Gestão da Propriedade Rural, Atendimento ao Público, E-Commerce e a Qualificação Profissional em Assistente de Recursos Humanos.

Para estes cursos, é necessário ter idade mínima de 14 anos e escolaridade mínima de Ensino Fundamental II (6° ao 9° ano). As aulas acontecerão no Google Classroom, sendo duas horas na modalidade remota e duas horas de atividades na plataforma.

MINICURSOS

Para os participantes da Rondônia Rural Show Internacional, em Ji-Paraná, o Idep oferecerá de 24 a 27 de maio, minicursos profissionalizantes gratuitos, dentro das Escolas Móveis de Máquinas Agrícolas e Frigorífico e Piscicultura.

As capacitações terão duração de uma hora, sendo disponíveis de manhã e à tarde. Os participantes receberão certificado de participação e poderão se inscrever no estande do Idep no evento.

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Rondônia

82,3% das viagens dos rondonienses foram por motivos pessoais

Publicados

em

O suplemento de Turismo da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) mostra que, em 2021, das 68 mil viagens feitas por rondonienses, 82,3% foram por motivos pessoais e 17,7% por motivos profissionais. Os percentuais são semelhantes aos apresentados em 2019: 80,5% por motivos pessoais e 19,5% por motivos profissionais.Por local de hospedagem, a casa de amigo ou parente foi a principal instalação, representando 45,9% das viagens ocorridas em 2021. Em todo o Brasil, a casa de amigo ou parente também foi a principal acomodação, sendo 42,9% de todas as viagens.A pesquisa aponta também que, das viagens realizadas pelos rondonienses por motivo pessoal, 23 mil (42,1%) foram para visita ou eventos de familiares e amigos, 17 mil (30,3%) para tratamento de saúde ou consulta médica, dez mil (18,1%) para lazer e cinco mil (9,4%) tiveram outros motivos.Ao comparar as informações da pesquisa nos anos de 2019 e 2021, percebe-se que as viagens com carro particular ou da empresa passaram a corresponder a mais da metade dos veículos utilizados. Em 2019, as viagens com carro particular ou de empresa representaram 36% do total. Já em 2021, este percentual foi de 56,8%.Em relação ao número de domicílios em que houve viagem, a PNAD Contínua aponta que, no ano de 2019, ocorreram viagens em 17,4% dos domicílios rondonienses enquanto que, em 2021, este índice foi de 9,3%.Nos domicílios em que nenhum morador viajou em 2021, foi questionado sobre o motivo, sendo que os mais recorrentes foram: não ter necessidade (29,1%), não ter dinheiro (19,7%) e não ser prioridade (19,3%). Estes índices foram diferentes dos indicados em 2019: em 43,5% dos domicílios que nenhum morador viajou o motivo foi por não ter dinheiro; 17,5% não ter tempo e 17,5% não ter necessidade. 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA