PORTO VELHO

Rondônia

Detran Rondônia investe em modernização tecnológica para otimizar atendimento aos usuários do serviço

Rondônia


Pelo próprio aparelho celular, população obtêm acesso ao atendimento.

O Governo de Rondônia, por intermédio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RO), investiu em modernização tecnológica de softwares, ferramentas e equipamentos para facilitar o acesso ao atendimento ao público, especialmente, durante o período de Isolamento Social Controlado. De acordo com o órgão, a mudança vem otimizando os serviços aos usuários, além de contribuir na eficiência e economicidade do trabalho oferecido.

Tendo em vista a disponibilidade encontrada nos recursos tecnológicos, a cada dia, o departamento vem aprimorando sua forma de atendimento. Conforme o órgão, no mês de março deste ano, foi investido R$ 396 mil na aquisição de 152 tablets, dos quais, 72 dispositivos foram destinados à Diretoria Técnica de Fiscalização e Ações de Trânsito (Dtfat) e outros 80 para a Diretoria Técnica de Educação de Trânsito (Dtet).

Os equipamentos auxiliam nas ações educativas e de orientação desempenhadas pelos profissionais durante seus trabalhos. Além desse investimento, também foram implantados tablets nas unidades estaduais dos municípios como medida de facilitar aos candidatos que fazem a prova teórica para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Com a tecnologia, o exame passou a ser feito eletronicamente, cujo resultado é obtido de maneira ágil.

Nessa mesma ação, as unidades do Detran, com o incentivo do Poder Executivo, contaram com a inserção do reconhecimento biométrico por sistema eletrônico. Antes de realizar a avaliação, os candidatos devem utilizar o leitor digital denominado Live Finger Detection para serem identificados, o que reduz a possibilidade de fraude no momento da prova.

Leia Também:  Prefeito de Novo Horizonte pede apoio de Maurão para aquisição de van

Durante o período de isolamento social, os usuários do sistema passaram ainda a contar com novas modalidades de serviços para obter informações e documentos do motorista ou do veículo. A exemplo disso, a disponibilidade do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), na qual, não há mais necessidade de ser impresso em papel-moeda, podendo ser baixado no próprio celular e utilizado eletronicamente, ou, impresso em casa, em folha A4. O departamento dispõe também de outros recursos tecnológicos e suas vantagens ao aderir este tipo de atendimento, como no fornecimento da Carteira Nacional de Habilitação em formato digital.

APLICATIVO

Assim como a CRLV-e, através do aplicativo “Carteira Digital de Trânsito”, disponível em Android e IOS, aqueles que optarem em ter a CNH Digital podem contar com o serviço oferecido no software. O documento é 100% virtual e tem validade a nível nacional.

AGENDAMENTO ONLINE

O “Agendamento Online” é outro meio disponibilizado aos cidadãos, evitando aglomerações desnecessárias que possam prejudicar a saúde das pessoas, a fim de facilitar a realização de diversos atendimentos. O usuário deve entrar no portal oficial do Detran Rondônia e clicar em um banner na parte superior da página principal (home). Lá, ele irá agendar seu atendimento e selecionar localidade e data, depois escolher o tipo de serviço que necessita.

Além deste efeito, outro ícone com o nome de “Meus Atendimentos”, localizado no lado posterior, registra todos os pedidos solicitados pelo usuário, podendo ser alterado ou cancelado se for preciso pelo mesmo. A ação do “Agendamento Online”, tem por finalidade também apoiar pessoas que não têm acesso à internet, e não conseguem solucionar eventuais problemas por meio digital, possibilitando ir a um posto do Detran/RO usar dos serviços presencialmente.

Leia Também:  Extrativistas da Resex do Rio Cautário com mais de 60 anos recebem a primeira dose da vacina contra a covid-19

CARTA DE SERVIÇOS ONLINE

Para orientar o passo a passo dos serviços prestados pela autarquia estadual, foi disponibilizada a Carta de Serviços Online aos cidadãos rondonienses. Por meio deste documento, os usurários têm em mãos informações de como ter acesso e os procedimentos de atendimentos estabelecidos pelo órgão público, a fim de facilitar o andamento do trabalho.

USO DE PLATAFORMAS

Tanto para à formação de novos condutores, quanto a promoção de cursos e videoconferências realizadas no dia a dia dos servidores, a autarquia adotou duas principais plataformas digitais como comunicação remota durante o período pandêmico. A primeira, denominada BigBlueButton, tendo seu diferencial pelo sistema de reconhecimento facial antes de começar os encontros online, e o software Moodle, ambos ligados ao sistema “DetranNet”.

Segundo o departamento, a aplicação desses recursos puderam facilitar e dar segurança às pessoas que fizessem o uso do serviço, aliando à agilidade no atendimento prestado pelo órgão. Atualmente, são oferecidos cursos de capacitação técnico-teórica, de forma remota, para servidores e à comunidade em geral.  Para mais informações, os interessados devem consultar o site oficial: www.detran.ro.gov.br 

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Rondônia

No dia da Polícia Civil, Governo de Rondônia ressalta a importante missão e atuação da Segurança Pública

Publicados

em


Dia da Polícia Civil é comemorado em 21 de abril, dia do patrono Tiradentes

Em meio aos desafios enfrentados no dia a dia, a Polícia Civil de Rondônia (PC) desempenha importante missão em prol da Segurança Pública, aplicando diferentes formas de manter a ordem social e proteger os cidadãos rondonienses. Para homenagear estes profissionais, anualmente, no dia 21 de abril, é celebrado o dia do policial civil, homens e Mulheres que, com esforço e dedicação, lutam diariamente por uma sociedade.

Na mesma data, comemora-se o dia do patrono da polícia brasileira (militar e civil), Joaquim José da Silva Xavier, personagem histórico conhecido popularmente como Tiradentes. A comemoração foi instituída pelo Decreto-Lei nº 9.208, de 29 de abril de 1946.

Em Rondônia, a presença da PC, vinculado à Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), está em 29 cidades, reunindo 78 unidades de atendimento, das quais, 54 são sediadas nos municípios. Só na capital Porto Velho, existem 11 distritos policiais, 13 delegacias especializadas, além da Central de Flagrantes que atua em práticas de delitos e atos infracionais, garantindo policiamento preventivo em todo o Estado.

Em Rondônia, o serviço é feito por homens e mulheres em diferentes funções

A árdua missão de conduzir o departamento, preservando a real linha de atuação no Território rondoniense, é destacada pela delegada-geral adjunta, Alessandra Marcela Paraguassu Gomes. Atuando há mais de 20 anos na Polícia Civil, ela acredita que os desafios vivenciados ao longo desse período, principalmente no momento da pandemia, trouxeram experiências marcantes e promoveu  aprendizado em sua existência enquanto profissional da Segurança do Estado.

“Posso afirmar que desde quando iniciei minha carreira em dezembro de 1994, este atual cenário de isolamento social entre os anos de 2020 e 2021 está sendo marcante na vida da nossa instituição. À medida que lidamos com o perigo externo invisível (vírus), temos que superar simultaneamente com outras situações durante o cotidiano”, relata delegada-adjunta da PC, Alessandra Paraguassu, asobre o trabalho.

Leia Também:  PDT garante apoio a gestão do Prefeito Luizão do Trento

A delegada está há pouco mais de dois anos na função administrativa, ao lado do delegado-geral da PC, Samir Fouad Abboud. Juntos, com mais de 1.700 profissionais, trabalham no órgão servindo em diversas ações que visam garantir a proteção da população. “Oportunamente, deixo aqui minha mensagem de agradecimento a todos os servidores que exercem o trabalho essencial para a Segurança Pública, apoiando também os departamentos de saúde, assim honrando nosso lema que é de fazer: Justiça, Paz e Proteção”, declara.

CONTEXTO HISTÓRICO

Por meio do Decreto nº 3 de 13 de setembro de 1943, era criada a Polícia Civil de Rondônia. O decreto incluiu a elaboração dos cargos de agentes policiais, delegados e demais cargos da área. A decisão foi tomada pelo primeiro governador do Estado, Aluísio Ferreira.

No ano de 1969 foi instituída a antiga Secretaria de Segurança Pública, atual: Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), cujo departamento engloba vários setores que trabalham em benefício da seguridade da população.

Na PC de Rondônia trabalham homens e mulheres com diferentes funções, nas quais se destacam: agente de polícia, agente de telecomunicações, auxiliar de necropsia, delegado de polícia, escrivão, médico legista, odontólogo legal, perito papiloscopista e técnico em necrópsia. Ao todo, atuam 1.719 servidores que estão lotados nas unidades dos 52 municípios de Rondônia. “Nossa instituição está dividida em distritos policiais, delegacias especializadas e setores administrativos, todos trabalhando em prol da sociedade”, explica Alessandra Paraguassu.

JUSTIÇA, PAZ E PROTEÇÃO

Em geral, as ações do PC estão ligadas à investigação de crimes em determinado local, além de garantir o cumprimento das leis pelos cidadãos por intermédio da fiscalização constante e da execução de mandados expedidos por órgãos judiciais. Também é realizada a função de manter atualizado o banco de dados de pessoas, uma vez que, o departamento é quem emite Carteiras de Identificação e Atestados de Antecedentes Criminais, além de outras atividades desempenhadas.

Leia Também:  Governo de Rondônia testou mais de 500 pessoas no 11º drive-thru para detecção da covid-19, em Cerejeiras

Conforme levantamentos da Polícia Civil, apenas no ano de 2020, mais de 200 operações foram deflagradas pelo departamento. Já em 2021, mais de 20 ações foram feitas, incluindo capital e interior. A delegada comenta que mesmo com a pandemia da covid-19, os trabalhos em favor da sociedade não pararam .

NA LINHA DE FRENTE

A PC é um serviço essencial, por isso, não interrompe as atividades durante a vigência dos decretos estaduais do Governo de Rondônia. A partir deste entendimento, todos os integrantes que compõem a PC foram aclamados como profissionais que fazem parte da linha de frente do combate à proliferação do coronavírus.

Integrantes das forças de segurança foram contemplados com a vacina contra SARS-CoV-2

Para a rotina de agentes e demais profissionais da categoria que estão constantemente próximos de diversas pessoas, equipamentos de proteção individual (EPIs) e medidas básicas de restrição foram repassados a eles para reforçar a segurança. No entanto, mesmo com a atitude, ações de conscientização são mantidas a fim de garantir melhor organização na conduta entres eles.

Atualmente, integrantes das forças de segurança contam com a imunização contra o vírus. De acordo com a delegada Alessandra Paraguassu: “O diálogo entre a PC e o Poder Executivo, somaram para o acontecimento da imunização destes profissionais, que estão trabalhando na pandemia há mais de um ano. Em breve, todos poderão estar vacinados, o que trará mais segurança e permanência em nossas atividades”.

No último sábado, dia 10 de abril, foram vacinados 100 policiais, sendo que 70 atuam na Central de Flagrantes (Deflag) e 30 nas delegacias por crimes contra a vida. Segundo informações do órgão, esta seleção para iniciar a imunização foi feita com base na exposição excessiva dos membros a pessoas possivelmente infectadas pelo coronavírus.

CANAIS DE COMUNICAÇÃO

A PC de Rondônia tem o suporte de recursos tecnológicos para uma comunicação com a sociedade, na qual também vem favorecendo para o período de distanciamento social. De acordo com o departamento, o cidadão que almeja solicitar algum tipo de atendimento, pode acessar os canais de comunicação disponíveis por meio do número 197, site da delegacia virtual  e redes sociais.

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA