PORTO VELHO

Rondônia

Programa “Peixe saudável” atende piscicultores de cidades do Cone Sul com laboratório móvel

Rondônia


O laboratório móvel estará visitando propriedades na região do Conel Sul para realização de demonstração de métodos de coleta e análise de água

Buscando fortalecer ações voltadas à piscicultura, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), vem dando continuidade ao programa “Peixe Saudável”, levando para o Cone Sul o laboratório móvel para auxiliar na manutenção de qualidade sanitária dos animais, seguindo as exigências da Instrução Normativa nº 04 MPA/2015, que institui o Programa Nacional de Sanidade de Animais Aquáticos de Cultivo (Aquicultura com Sanidade).

O objetivo do Programa é ofertar um atendimento particularizado ao piscicultor da Agricultura Familiar, com orientações e análises de água e peixes, mediante adoção de boas práticas de manejo, além de fomentar a cadeia produtiva da piscicultura em todo o Estado, levando aos consumidores um peixe saudável e com boa qualidade sanitária.

A gerente de desenvolvimento da aquicultura e pesca da Seagri, Mirtes de Lima Pinheiro, está visitando o Cone Sul do Estado e, juntamente com três laboratórios móveis, vai atender as demandas de capacitação técnica realizando a demonstração do método de coleta e análise de água, além de necropsia e explanação sobre Boas Práticas de Manejo (BPM) aos técnicos e piscicultores do município de Vilhena e Colorado do Oeste.

Leia Também:  Detran oferece curso de Formação de Condutores de Veículo de Emergência em Guajará-Mirim e Cujubim

“O Programa foi desenvolvido para atender os produtores da Agricultura Familiar. Os laboratórios móveis, além de trazer um incentivo que pode melhorar a produtividade, diminuem os custos das análises de água e do licenciamento ambiental das atividades na piscicultura”, disse Mirtes.

Em visita ao escritório da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), Mirtes esteve com o gerente local, Lauro Vilas Boas, e com o gerente regional, Cleverson Oliveira, discutindo sobre os serviços ofertados pelos laboratórios e as BPM que vem sendo aplicadas na piscicultura.

Após o treinamento, os técnicos da Emater estarão orientando os produtores sobre a origem e alimentação segura de alevinos, condução, manejo e vazio sanitário, abordando também sobre a despesca e acondicionamento para garantir a segurança de um alimento saudável até a mesa do consumidor. “Quando o laboratório chegar estaremos realizando as análises de água para emissão de licenças ambientais. Hoje, quando os produtores necessitam desses serviços pagam para uma empresa privada e é necessário aguardar alguns dias para obter os resultados. Com a chegada do laboratório móvel, o produtor terá esse trabalho de forma gratuita e rápida”, disse.

Leia Também:  MOBILIDADE:Prefeitura investe em ciclofaixas em ruas da capital

O gerente local também destaca que, com a análise das pisciculturas, é ofertado um bem estar aos peixes, proporcionando melhor desenvolvimento, baixando o custo de produção e tendo melhor conversão alimentar digerida. “Se o produtor tem uma boa qualidade de água, ele tem uma boa sanidade, prevenindo doenças nos animais”.

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Rondônia

Veículos entregues pelo Governo de Rondônia fortalecem ações desenvolvidas pelo DER

Publicados

em


Nova frota será usada para atendimento das ações de melhorias desenvolvidas pelo DER

O Governo de Rondônia oficializou no domingo (25), a entrega de 31 camionetes e três caminhões basculantes que irão atender as 14 Residências e seis Usinas de Asfalto do Departamento de Estradas de Rodagem e Transporte (DER). O Poder Executivo investiu R$ 3,36 milhões na locação dos veículos, utilizando recursos do Fundo para Infraestrutura de Transportes e Habitação (Fitha).

“Usem esses veículos com segurança, sabedoria, respeito e decência”, pediu o governador Marcos Rocha aos chefes, gerentes e motoristas reunidos em ato no estacionamento do Palácio Rio Madeira em Porto Velho.

Segundo explicou o coordenador de logística e patrimônio do DER, Odair José da Silva, o modelo das camionetes é atualizado, de 2021, e apoiarão a mobilidade das equipes. Novas entregas estão previstas para ocorrer até a primeira quinzena de agosto, desta vez, com 23 camionetes locadas e outros equipamentos.

Antes do pronunciamento do governador, chefes, gerentes e motoristas ouviram explicações a respeito dos prazos de trocas de peça pela empresa locadora, quando necessário, e apelos para que evitem excesso de velocidade.

Governador Marcos Rocha destacou a nova estrutura do DER, com novos equipamentos

“É uma satisfação muito grande dispor dessa frota que rodará o tempo todo, porque há alguns anos o DER não recebia investimentos dessa natureza”, considerou o diretor-geral do DER, Elias Rezende de Oliveira. Ele apontou “o contato com as pessoas e as perfeitas condições de tráfego” como principais facilidades proporcionadas pelos veículos.

Os serviços a serem executados pela nova frota atenderão à população, ao comércio, e também ao turismo, enfatizou Marcos Rocha.

Segundo Marcos Rocha, o “trabalho forte” do DER é feito agora também dentro dos municípios. Ele lembrou que, ao assumir o cargo, há dois anos e sete meses, encontrou equipamentos avariados. “Tive o desprazer de encontrar em Buritis, Machadinho d’Oeste e em outros municípios, veículos em cima de tocos de árvores, e os prefeitos me cobraram estradas em boas condições. Conto com vocês. Vamos alcançar o novo norte”, disse o governador.

TRABALHANDO

No dia 21 deste mês, o diretor-adjunto, Eder André Fernandes, informou que os engenheiros civis aprovados no processo seletivo do órgão já trabalham na melhoria das estradas no interior do Estado. “São especialistas em infraestrutura rodoviária”.

Confira galeria de imagens

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Edição 444 - Boletim diário sobre coronavírus em Rondônia
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA