PORTO VELHO

Rondônia

Quatro editais para contratação temporária vão ser lançados pelo Governo de Rondônia a partir desta segunda-feira

Rondônia

Processo Seletivo ocorrerá no âmbito de avaliação de títulos, com objetivo de recrutar e selecionar candidatos para contratação temporária

A partir desta segunda-feira (20), o Governo de Rondônia abrirá quatro editais para Processo Seletivo Simplificado, oferecendo oportunidades de trabalho em diversas áreas, como: Saúde, Assistência Social, Psicologia, Regularização Fundiária e entre outras. Para participar, os profissionais interessados devem se cadastrar de forma online e seguir as demais orientações estabelecidas em cada edital.

Entre as oportunidades, as vagas vão abranger do nível intermediário ao superior, com campo de atuação designado para Porto Velho e outros municípios do Estado. O processo ocorrerá no âmbito de avaliação de títulos, com o objetivo de recrutar e selecionar candidatos para contratação temporária.

As secretarias e órgãos que participam do processo são: Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Estado de Rondônia – Fhemeron, Secretaria de Estado da Saúde – Sesau, Secretaria de Estado da Justiça  – Sejus e Superintendência Estadual de Patrimônio e Regularização Fundiária – Sepat. As informações sobre como funcionará cada seleção estão listadas a seguir:

Leia Também:  Site do TSE fica instável a 2 dias de fim do prazo para regularizar título de eleitor

FHEMERON

Pela Fhemeron, será lançado o edital de contratação temporária de profissionais de diferentes áreas da Saúde, incluindo o setor administrativo. Confira as vagas e localidades:
– médico (clínico geral), com vagas para Porto Velho, Ariquemes, Cacoal, Rolim de Moura e Vilhena;
– médico (hemopediatra), em Porto Velho;
– biomédico, para Porto Velho e Ariquemes;
– farmacêutico, em Porto Velho e Rolim de Moura;
– enfermeiro, vagas em Porto Velho, Ariquemes e Cacoal;
– assistente social, para Porto Velho, Ariquemes e Rolim de Moura;
– técnico em laboratório, com vagas em Porto Velho, Cacoal e Rolim de Moura;
– técnico em enfermagem, para Cacoal;
– agente em Atividades Administrativas, vagas em Ariquemes e Rolim de Moura.
A fundação prevê um total de 30 vagas, conforme as áreas de atuação já mencionadas. 

SESAU

Cento e quarenta e nove vagas devem ser disponibilizadas para profissionais atuarem em Unidades de Saúde Pública coordenadas pela Sesau. Serão contemplados com a contratação quatro municípios e um distrito, sendo eles: Buritis, Cacoal, São Francisco do Guaporé, Porto Velho e distrito de Extrema (Porto Velho).

Leia Também:  #ESBR DOA ÔNIBUS ZERO KM PARA PREFEITURA DE PORTO VELHO

Entre as vagas, serão ofertadas a médicos com diversas especialidades, com carga horária de 20h e 40h.

SEJUS

Com a publicação do edital da Sejus, vão ser disponibilizadas mais de 50 vagas para os municípios de Ariquemes, Alta Floresta d’Oeste, Cacoal, Guajará-Mirim, Nova Mamoré, Ouro Preto do Oeste, Porto Velho, Rolim de Moura e São Miguel do Guaporé.

De acordo com a Sejus, a seleção visa a contratação dos seguintes profissionais: médico (clínico geral), médico (psiquiatra), psicólogo, odontólogo, enfermeiro, assistente social, farmacêutico, biomédico, nutricionista e técnico de enfermagem.

SEPAT

Na Sepat, nove cargos serão ofertados para pessoas interessadas em atuar no âmbito público da Regularização Fundiária e outras áreas, como administrativa e para profissionais multifuncionais. As profissões solicitadas são: analista de desenvolvimento full-stack; agente administrativo; assessor especial; assistente técnico de regularização fundiária II; assistente técnico de regularização fundiária III; assessor de regularização fundiária I; assessor de regularização fundiária II; assessor de regularização fundiária III e assessor de regularização fundiária IV.

As informações do quantitativo de vagas e demais critérios do Processo Seletivo serão divulgadas nesta segunda-feira.

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Rondônia

82,3% das viagens dos rondonienses foram por motivos pessoais

Publicados

em

O suplemento de Turismo da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) mostra que, em 2021, das 68 mil viagens feitas por rondonienses, 82,3% foram por motivos pessoais e 17,7% por motivos profissionais. Os percentuais são semelhantes aos apresentados em 2019: 80,5% por motivos pessoais e 19,5% por motivos profissionais.Por local de hospedagem, a casa de amigo ou parente foi a principal instalação, representando 45,9% das viagens ocorridas em 2021. Em todo o Brasil, a casa de amigo ou parente também foi a principal acomodação, sendo 42,9% de todas as viagens.A pesquisa aponta também que, das viagens realizadas pelos rondonienses por motivo pessoal, 23 mil (42,1%) foram para visita ou eventos de familiares e amigos, 17 mil (30,3%) para tratamento de saúde ou consulta médica, dez mil (18,1%) para lazer e cinco mil (9,4%) tiveram outros motivos.Ao comparar as informações da pesquisa nos anos de 2019 e 2021, percebe-se que as viagens com carro particular ou da empresa passaram a corresponder a mais da metade dos veículos utilizados. Em 2019, as viagens com carro particular ou de empresa representaram 36% do total. Já em 2021, este percentual foi de 56,8%.Em relação ao número de domicílios em que houve viagem, a PNAD Contínua aponta que, no ano de 2019, ocorreram viagens em 17,4% dos domicílios rondonienses enquanto que, em 2021, este índice foi de 9,3%.Nos domicílios em que nenhum morador viajou em 2021, foi questionado sobre o motivo, sendo que os mais recorrentes foram: não ter necessidade (29,1%), não ter dinheiro (19,7%) e não ser prioridade (19,3%). Estes índices foram diferentes dos indicados em 2019: em 43,5% dos domicílios que nenhum morador viajou o motivo foi por não ter dinheiro; 17,5% não ter tempo e 17,5% não ter necessidade. 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA