PORTO VELHO

Rondônia

Sedam realiza cadastro dos primeiros responsáveis técnicos, em novo Sistema de Outorga e Licenciamento Ambiental de Rondônia

Rondônia


O sistema digital irá agilizar a análise e emissão das licenças ambientais no Estado

Para proporcionar acesso à informação a respeito do processo de licenciamento e autorização ambiental, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de desenvolvimento Ambiental (Sedam)  e em parceria com a Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) realizou os primeiros cadastros de  responsáveis técnicos dentro do novo Sistema de Outorga e Licenciamento Ambiental de Rondônia (Solar). O software elaborado pelas secretarias traz mais benefícios e agilidade na tramitação dos processos, e celeridade no gerenciamento, controle de prazos dos processos e emissão online de licença ambiental.

O Sistema Solar é um PWA ou Sistema Web, aplicativo web progressivo, site desenvolvido para parecer e se comportar como um aplicativo nativo independente da plataforma em que é utilizado.  Este sistema vai otimizar os processos que  envolvem a licença prévia, licença de instalação, operação de outorga e direito de uso de água. Trazendo mais benefícios e agilidade na Tramitação dos Processos e Padronização no Fluxo dos Processos.

Leia Também:  TCE-RO e MP-RO negam que impediram a contratação de hospital de campanha

Como proposta de auxiliar profissionais na utilização do sistema, a Sedam junto aos servidores da Setic, realizou o cadastro dos primeiros responsáveis técnicos ambientais no Solar. Durante a ação a equipe pôde tirar dúvidas e sanar pendências quanto à utilização das ferramentas internas para cadastro e solicitações.

Em Rondônia, o licenciamento ambiental pode ser realizado pela prefeitura ou via Sedam através da Coordenadoria de Licenciamento e Monitoramento Ambiental (Colmam), já os pedidos de autorização de intervenção florestal são analisados pela Coordenadoria de Desenvolvimento Florestal e Faunística (Codef) e a outorga de direito de uso de recursos hídricos pela Coordenadoria de Recursos Minerais (Corem).

Segundo o secretário adjunto da Sedam, Demargli Farias, a implementação do Solar vai diminuir a quantidade de processos físicos nas etapas da emissão das licenças, contribuindo assim na redução do tempo para concessão das licenças, sem prejuízo à qualidade da análise ambiental realizada “Este trabalho é importante porque ele visa modernizar o modo operante da nossa secretária. Com esta agilizada conseguiremos prestar um serviço melhor para a população, com uma melhor qualidade” explicou o secretário.

Leia Também:  Anvisa autoriza que Vacina da Pfizer contra Covid-19 entre na última fase de testes

“O sistema Solar,  é um importante passo para a transformação digital, pois automatiza todo o processo de licenciamento ambiental emitido pelo Estado. É o governo do Estado de Rondônia inovando em iniciativas de Governo Digital, visando melhorar a eficiência da máquina pública e proporcionar melhor atendimento ao cidadão rondoniense” complementou o Superintendente da Setic, Delner Freire.

O sistema será disponibilizado para atender os produtores rurais, responsáveis técnicos, empresas pertencentes aos setores que possuem licenciamento ambiental e outorga obrigatórios, entidades públicas e privadas e demais usuários de recursos hídricos.

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Rondônia

Reforma da Associação dos Agricultores e Piscicultores em Alvorada do Oeste é concluída

Publicados

em


Visita técnica Seosp. 02.12.21.Foto Ana Carolina Fonseca

Sede da Associação dos Agricultores e Piscicultores (AAPA) em Alvorada do Oeste

A equipe de fiscalização da Secretaria de Estado de Obras e Serviços Públicos (Seosp), realizou uma visita técnica na conclusão da reforma na sede da Associação dos Agricultores e Piscicultores (AAPA), no município de Alvorada do Oeste.

Segundo o presidente da AAPA, Antônio Mateus, as melhorias que o prédio recebeu trarão inúmeros benefícios para cerca de 200 famílias de produtores, atendendo aos sete municípios adjacentes: Alvorada do Oeste, São Miguel do Guaporé, Mirante da Serra, Ji-Paraná, Teixeirópolis, Urupá e Presidente Médici. “Com o frigorífico em funcionamento, as famílias de produtores poderão não somente produzir, como também exportar para todo o Brasil”, afirma.

De acordo com o secretário da Seosp, Erasmo Meireles, que esteve presente durante a visita técnica, essas ações do Governo do Estado estão mudando a realidade de Rondônia. “As obras estão sendo atendidas dentro do prazo, com economia e recursos próprios, fortalecendo assim o progresso em todo o Estado”, concluiu.

Leia Também:  Comunicado da Fecomércio-RO sobre a Convenção Coletiva de Trabalho 2018/2019
Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA