PORTO VELHO

TJ RO

Funcionários terceirizados passam por treinamento de sustentabilidade

TJ RO

A fotografia mostra uma mulher em um auditório, segurando uma placa e palestrando para várias pessoas sentadas em sua frente

A ação busca a conscientização sobre gerenciamento de resíduos 

O Núcleo de Acessibilidade, Inclusão e Gestão Socioambiental do Tribunal de Justiça de Rondônia, realizou, nesta semana, um treinamento prático com equipe responsável pela limpeza do Fórum Geral César Montenegro, para tratar da ação A29, que faz parte do plano para ações organizado pela Comissão Gestora do Plano de Logística Sustentável, com periodicidade trimestral, resolução n. 171/2020-TJRO. A ação busca conscientização dos funcionários terceirizados sobre a coleta  interna dos resíduos, que serão segregados, e para os  aspectos gerais da sustentabilidade.

Foram realizadas visitas para apresentar as principais ações do PJRO relacionadas à coleta seletiva e gestão de resíduos sólidos, consumo de água e energia elétrica, bem como o papel dos terceirizados.

Na palestra, a engenheira ambiental Samira de Alvim destacou os problemas causados pelo lixo descartado de forma incorreta, dentre eles estão poluição ambiental, contaminação do solo e dos lençóis freáticos, poluição visual, alagamentos e inundações em períodos de chuva e proliferação de doenças. Em seguida foi realizada uma aula prática, fazendo o percurso que a equipe da limpeza realiza desde a coleta interna, com o fechamento dos sacos de lixo das lixeiras, até o armazenamento dos sacos de lixo para coleta externa, que são separados em dois tipos, os recicláveis e não recicláveis.

Leia Também:  Assinado contrato para construção do novo Fórum de Rolim de Moura

A técnica judiciária Silvana Cruz reforça que a função de separar os resíduos recicláveis não é uma responsabilidade somente dos agentes de limpeza. “Todos são importantes nesse processo, inclusive os servidores, pois fazem parte dos agentes que produzem os resíduos. É um trabalho em conjunto”, pontuou.  

A foto mostra uma mulher falando com funcionário de uniforme, ela está de frente para eles, segurando sacos de lixoA fotografia mostra uma mulher ministrando uma palestra em um auditório, com várias pessoas sentadas A fotografia mostra várias pessoas usando uniforme em um ambiente aberto, todos prestando atenção em uma mulher palestrando à frente deles
 (Treinamento com equipe de limpesa para gerenciamento de resíduos)

Assessoria de Comunicação Institucional

Fonte: TJ RO

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TJ RO

Encerra nesta sexta-feira o prazo para responder pesquisa de Segurança Institucional do Poder Judiciário

Publicados

em

 Imagem Pesquisa

 
 
Levantamento busca medir grau de satisfação e percepção dos usuários a respeito dos serviços

Termina nesta sexta-feira, 12, o prazo para responder a Pesquisa de Satisfação e percepção dos usuários a respeito dos serviços de segurança institucional. Lançada no dia 1 deste mês, a pesquisa tem por objetivo aprimorar a atuação das unidades responsáveis pela segurança institucional. O levantamento deve ser realizado bienalmente.

A participação dos públicos interno e externo é relevante, pois a adesão voluntária ao questionário é uma demonstração de interesse por um assunto tão relevante para o dia a dia. A segurança é um fator essencial para o desenvolvimento das atividades, por isso a percepção que cada um tem a respeito do tema é uma informação importante para que o Gabinete de Segurança Institucional atue na satisfação de eventuais demandas e ampliações de ações e projetos exitosos já em execução. Conheça o trabalho das unidades que garantem a segurança no Poder Judiciário.

Trabalho integrado

Os formulários da pesquisa foram elaborados  pelo Gabinete de Segurança Institucional – GSI, com apoio das Coordenadorias de Inteligência e Contrainteligência, Segurança Patrimonial e Humana e as Assessorias Militar e Bombeiro, englobando 04 (quatro) eixos de segurança mencionados nas Resoluções n. 435/2021- CNJ, de 28/10/2021 e  Resolução n. 209/2021-TJRO, de 29/06/2021, que dispõe sobre a Política de Segurança do PJRO: atendimento ao público, segurança das pessoas, segurança institucional nas áreas e instalações.
 
Pesquisa de satisfação usuário Interno

Pesquisa de satisfação usuário Externo

Leia Também:  TJRO promoveu quase mil vacinações nas unidades do Judiciário na capital

Assessoria de Comunicação Institucional

Fonte: TJ RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA