PORTO VELHO

Saúde

Rondônia registra 26 mortes causadas pelo Coronavírus neste sábado

Saúde

Neste sábado (3) foram consolidados os seguintes resultados:

Casos confirmados – 189.997
Casos ativos – 17.920 (9,43%)
Pacientes recuperados – 167.818 (88,34%)
Óbitos – 4.259 (2,24%)
Pacientes internados na Rede Estadual de Saúde – 434
Pacientes internados na Rede Privada – 181
Pacientes internados na Rede Municipal de Saúde – 190
Pacientes internados na Rede Filantrópica – 17
Total de pacientes internados – 822
Testes Realizados – 503.669
Aguardando resultados do Lacen – 1.395

* População vacinada:
1ª Dose – 110.742
2ª Dose – 34.107

Profissionais de Saúde vacinados:
1ª Dose – 39.529
2ª Dose – 20.699

Indígenas vacinados:
1ª Dose – 6.310
2ª Dose – 4.019

Idosos vacinados:
1ª Dose – 64.727
2ª Dose – 9.381
* (Dados obtidos às 16h48)

No Estado, os números de casos confirmados, recuperados e de óbitos, desde o primeiro registro em 20 de março de 2020 até hoje (3 de abril de 2021), por Covid-19 são:

 

TOTAL DE CASOS EM RONDÔNIA – 03/04/2021
MUNICÍPIOS CASOS RECUP. ÓBITOS
Porto Velho 67.089 58.378 1.878
Ariquemes 16.515 14.305 332
Ji-Paraná 13.543 12.234 352
Vilhena 10.050 9.192 177
Cacoal 9.754 9.041 154
Jaru 5.870 5.161 105
Rolim de Moura 5.141 4.571 97
Guajará-Mirim 5.023 4.737 174
Machadinho D’Oeste 4.790 4.160 59
Buritis 3.921 3.647 49
Pimenta Bueno 3.917 3.504 50
Ouro Preto do Oeste 3.165 2.810 83
Candeias do Jamari 3.113 2.650 61
Alta Floresta D’Oeste 2.918 2.744 45
Nova Mamoré 2.648 2.140 46
Presidente Médici 2.297 2.052 44
Espigão D’Oeste 2.019 1.799 37
São Miguel do Guaporé 1.714 1.599 29
Cerejeiras 1.708 1.206 36
São Francisco do Guaporé 1.611 1.445 35
Alto Paraíso 1.426 1.318 30
Nova Brasilândia D’Oeste 1.409 1.143 17
Cujubim 1.350 1.166 27
Monte Negro 1.234 900 18
Colorado do Oeste 1.200 1.133 17
Chupinguaia 1.172 1.139 14
Itapuã do Oeste 1.164 1.023 17
Urupá 978 876 19
Costa Marques 973 895 18
Seringueiras 938 866 11
Campo Novo de Rondônia 920 792 18
Alto Alegre dos Parecis 827 744 18
Mirante da Serra 770 651 4
Alvorada D’Oeste 737 608 18
Vale do Anari 709 596 9
Santa Luzia D’Oeste 696 631 7
Cacaulândia 648 599 8
Nova União 647 620 8
Vale do Paraíso 604 514 23
Cabixi 559 516 13
Corumbiara 508 463 10
Rio Crespo 476 425 8
Theobroma 474 394 14
Governador Jorge Teixeira 443 353 5
Ministro Andreazza 434 386 12
Novo Horizonte do Oeste 406 340 15
Teixeirópolis 386 354 5
Pimenteiras do Oeste 326 306 12
São Felipe D’Oeste 267 250 6
Parecis 209 174 6
Castanheiras 184 170 5
Primavera de Rondônia 117 98 4
Total geral 189.997 167.818 4.259
Leia Também:  O VÍRUS NÃO ATACA QUANDO OS EVENTOS SÃO DO ESTADO?

Em Rondônia, nas últimas 24 horas foram registrados os seguintes resultados para Covid-19:

 

ÚLTIMAS 24 HORAS
MUNICÍPIOS CASOS ÓBITOS
Porto Velho 223 17
Ariquemes 116 2
Ji-Paraná 24 1
Vilhena 23 1
Cacoal
Jaru 70
Rolim de Moura
Guajará-Mirim
Machadinho D’Oeste 38 2
Buritis 10
Pimenta Bueno 1
Ouro Preto do Oeste
Candeias do Jamari
Alta Floresta D’Oeste 11
Nova Mamoré
Presidente Médici 14
Espigão D’Oeste
São Miguel do Guaporé
Cerejeiras 15
São Francisco do Guaporé
Alto Paraíso 32
Nova Brasilândia D’Oeste 4
Cujubim 2
Monte Negro 13
Colorado do Oeste 2
Chupinguaia
Itapuã do Oeste
Urupá 1
Costa Marques
Seringueiras 1
Campo Novo de Rondônia
Alto Alegre dos Parecis 31
Mirante da Serra 10
Alvorada D’Oeste
Vale do Anari
Santa Luzia D’Oeste -1
Cacaulândia
Nova União
Vale do Paraíso
Cabixi
Corumbiara 1 1
Rio Crespo
Theobroma
Governador Jorge Teixeira
Ministro Andreazza
Novo Horizonte do Oeste 7
Teixeirópolis
Pimenteiras do Oeste 2
São Felipe D’Oeste
Parecis
Castanheiras
Primavera de Rondônia
Total geral 648 26
Leia Também:  Hospital de Urgência e Emergência realiza a 2ª cirurgia de captação de órgãos neste ano, em Cacoal

ÚLTIMAS ATUALIZAÇÕES

  • Neste sábado (3) foram registrados 26 óbitos por Covid-19 em Rondônia no qual 17 foram em Porto Velho, sendo três mulheres (73, 71 e 42 anos) e 14 homens (86, 81, 71, 70, 65, 59, 58, 56, 52, 44, 41, 39, 36 e 25 anos de idade), dois homens (78 e 64 anos de idade) em Ariquemes, dois homens (64 e 58 anos) em Machadinho D’Oeste, um homem de 29 anos em Corumbiara, um homem de 65 anos em Ji-Paraná, um homem de 61 anos em Pimenta Bueno, um homem de 47 anos em Seringueiras, e uma mulher de 62 anos em Vilhena.
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Saúde

Projeto “Saúde no interior”, do Governo de Rondônia, vai levar atendimento médico especializado a municípios do Cone Sul

Publicados

em


O projeto vai levar mil atendimentos especializados e 30 cirurgias eletivas ao Cone Sul de Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), está desenvolvendo o projeto “Saúde no Interior”, que vai levar atendimento médico especializado para a Região Sul do Estado. A ação tem o objetivo de realizar mil atendimentos entre as  áreas de ginecologia, oftalmologia, ortopedia, cardiologia, infectologista, endocrinologia e 30 cirurgias eletivas entre, vesícula, hérnia e histerectomia. Exames complementares como os laboratoriais, raio X, eletrocardiograma, mapa, holter e oftalmológico também integram o projeto que deve iniciar nos dias 29, 30 e 31 de outubro, no centro de reabilitação, em Vilhena. Para ser atendido é preciso estar na lista da regulação. 

Mesmo sendo realizada em Vilhena, o “Saúde no Interior” contempla os municípios: Cerejeiras, Corumbiara, Pimenteiras, Colorado, Cabixi e Chupinguaia. O projeto contará com diversos profissionais da saúde, entre médicos especialistas, enfermeiros e equipes multidisciplinares, para acompanhar todos os pacientes atendidos. 

O secretário de estado da saúde, Fernando Máximo, enfatiza que projeto é importante pois busca diminuir a fila de espera pelos atendimentos especializados. “A ação ‘Saúde no Interior’ é uma determinação do Governo do Estado e tem como objetivo atender todas as pessoas que aguardam na fila de espera para procedimentos especializados, que estão parados por causa da pandemia. O ação dará mais celeridade nos atendimentos, além de ser um marco na saúde estadual”, diz Máximo. 

Para fazer parte do projeto, o paciente deve ser atendido na unidade de saúde, onde receberá uma senha para ser encaminhado ao setor requerido e realizar a consulta médica. Logo após esse processo, o médico vai orientá-lo a fazer os exames solicitados, para então, realizar a cirurgia ou procedimento necessário para o tratamento.

Na questão de coleta de exames laboratoriais, é obrigatório ter em mãos: a solicitação médica, devidamente preenchida, com o carimbo do  profissional que fez a solicitação. Além disso, é necessário a identidade com foto e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). 

A ação também fornecerá medicamentos para tratamento, onde será necessário que o cidadão possua receituário com prescrição e documentos pessoais em mãos.

O projeto “Saúde no Interior” visa também diminuir as transferências de pacientes agendados para os hospitais da capital do estado, além de reduzir as filas de espera nos municípios contemplados pela ação. 

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Campeonato Interdistrital é lançado em Porto Velho
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA