PORTO VELHO

Saúde

Saúde alerta para acidentes que causam queimaduras em festas juninas

Saúde

O Ministério da Saúde divulgou alerta com recomendações e cuidados para evitar acidentes que possam causar queimaduras durante as tradicionais festas juninas, muito populares em todo o país. A atenção deve ser especial em ambientes em que podem ser frequentes as queimaduras por líquidos quentes, chamas de fogueira e fogos de artifício.

Entre janeiro e abril deste ano, já foram registrados 3.540 procedimentos hospitalares e 32.631 atendimentos ambulatoriais por causa de queimaduras no Brasil.

Segundo o ministério, em junho, é comum aumentarem os casos, e a prevalência é de queimaduras de segundo grau, com destaque para as lesões dos membros superiores (mãos e braços), tronco e cabeça.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 180 mil pessoas morrem por ano em consequência de queimaduras, que são a quinta causa mais comum de lesões não fatais na infância. As queimaduras não fatais podem causar hospitalização prolongada, desfiguração e incapacidade, muitas vezes resultando em cicatrizes e rejeição.

Ao todo, 48 estabelecimentos são habilitados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) como centros de referência na assistência a queimados, além da oferta de procedimentos, medicamentos, órteses, próteses, materiais especiais e exames necessários para atender às vítimas.

Leia Também:  Primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo começa segunda-feira

Primeiros socorros

De acordo com o Ministério da Saúde, em casos de queimadura, o paciente deve colocar, de imediato, a parte queimada debaixo da água corrente fria, com jato suave, por aproximadamente dez minutos. Compressas úmidas e frias também são indicadas.

Se houver poeira ou insetos no local, mantenha a queimadura coberta com pano limpo e úmido. No caso de queimaduras em grandes extensões do corpo por substâncias químicas ou eletricidade, a pessoa necessita de cuidados médicos imediatos.

É importante nunca tocar a queimadura com as mãos; nem furar bolhas; tentar descolar tecidos grudados na pele queimada, ou retirar corpos estranhos ou graxa do local queimado. Não se pode colocar manteiga, pó de café, creme dental ou qualquer outra substância sobre a queimadura. O Ministério da Saúde lembra que somente o profissional de saúde sabe o que deve ser aplicado sobre o local afetado.

Prevenção

Nas festas, é preciso também ter atenção ao manipular bebidas e alimentos com altas temperaturas e evitar brincadeiras perto de fogueiras para prevenir queimaduras por chamas e problemas nas vias aéreas, pela inalação de fumaça.

É importante ainda ter cuidado ao usar produtos inflamáveis, como o álcool 70% (na forma líquida ou em gel), e não manipular o produto perto do fogo, mantendo-o longe do alcance das crianças.

Leia Também:  Para falar sobre seu casamento candidata ao Senado afirma que RO ensina ideologia de gênero nas Escolas e que o Ensino rondoniense "detona" a língua portuguesa

Outras recomendações são evitar fumar dentro de casa, principalmente se estiver deitado, ao acender fósforos, manter o palito longe do rosto, para não atingir cabelo ou sobrancelha, e, ao acender velas, observar se estão longe de produtos inflamáveis, botijões de gás, solventes ou tecidos.

No caso de queimaduras elétricas, é preciso retirar o fio da tomada ou desligar a energia geral. Recomenda-se ainda o uso de protetor nas tomadas elétricas da casa. Possíveis vazamentos de gás devem ser investigados com frequência, e as crianças precisam ficar longe da cozinha durante o preparo dos alimentos. O cabo e as alças das panelas, que devem estar em bom estado, têm de ficar sempre virados para a área do fogão.

Na hora do banho, é bom testar a temperatura da água com o dorso da mão antes de molhar a criança, que deve ficar sempre longe de produtos de limpeza. Recomenda-se ainda o uso de protetor nas tomadas elétricas da casa.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Saúde

Edição 821 – Boletim diário sobre o coronavírus em Rondônia, dois óbtos

Publicados

em

Dos 418.610 casos de covid-19 confirmados em Rondônia, 114.131 são de Porto Velho


O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde – Agevisa, Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação – Setic e Secretaria de Estado da Saúde – Sesau, divulga balanço de dados referente aos casos de covid-19 no Estado.

Neste sábado 02/07 os números da pandemia da covid19 são:

Casos confirmados – 418.610

Curados – 397.927 (95,07%)
Ativos – 13.434 (3,20%)
Óbitos – 7.249 (1,74%)
Pacientes internados na Rede Estadual de Saúde – 55
Pacientes internados na Rede Privada – 00
Pacientes internados na Rede Municipal de Saúde – 12
Pacientes internados na Rede Filantrópica – 00
Total de pacientes internados – 67
Pacientes em processo de regulação para leitos – 6
Testes Realizados – 1.210.684  (Dados do dia 01/07)
Aguardando resultados do Lacen – 34

População vacinada (dados de 02/07/2022)

População geral (Adulto e Infantil)
1ª dose – 1.298.300 (77,24%)
2ª dose + DU – 1.128.157 (67,11%)
3ª dose (reforço) – 424.912 (25,28%)
4ª dose (2ª dose reforço) – 62.789 (3,74%)
Dose adicional – 33.467 (1,99%)

População Infantil
1ª dose – 56.891 (29,89%)
2ª dose + DU – 23.382 (12,29%)
Dose de reforço – 93 (0,05%)
2ª dose de reforço – 21 (0,01%)
Dose adicional – 14 (0,01%)
Total de doses aplicadas: 80.401 (este total já está incluso no total geral)
Total geral de doses aplicadas: 2.947.625

– População adulta vacinável: 1.680.947
– População infantil vacinável: 190.328
Fonte: PNAD/IBGE.

* CoronaVac – 721.648
* AstraZeneca – 919.150
* Pfizer adulto – 1.430.910
* Pfizer pediátrica – 85.800
* Janssen – 64.400

Fonte: Painel de Vacinas

No Estado, os números de casos confirmados, recuperados e de óbitos, desde o primeiro registro em 20 de março de 2020 até hoje (2 de julho de 2022), por covid-19 são:

Leia Também:  CORONA VIRUS: 25 Governadores pedem socorro ao Senado, menos o de RO Marcos Rocha
TOTAL DE CASOS EM RONDÔNIA – 01/07/2022
Município Casos Totais Óbitos Totais
Porto Velho 114.131 2.685
Ji-Paraná 33.103 659
Ariquemes 31.724 551
Cacoal 27.068 346
Vilhena 22.101 323
Rolim de Moura 12.535 207
Jaru 12.522 205
Pimenta Bueno 11.718 129
Buritis 11.432 102
Machadinho D’Oeste 9.903 130
Alta Floresta D’Oeste 8.227 81
Ouro Preto do Oeste 8.179 166
Espigão D’Oeste 6.788 90
Guajará-Mirim 6.206 243
Nova Mamoré 6.144 97
Presidente Médici 6.176 98
Candeias do Jamari 5.593 84
Cerejeiras 5.562 73
São Francisco do Guaporé 5.341 58
Nova Brasilândia D’Oeste 4.382 39
Colorado do Oeste 4.305 52
Cujubim 4.276 45
Costa Marques 3.916 44
Alto Paraíso 3.913 63
Monte Negro 3.959 38
São Miguel do Guaporé 3.547 64
Seringueiras 3.290 25
Campo Novo de Rondônia 2.956 28
Alvorada D’Oeste 3.088 41
Chupinguaia 2.817 27
Urupá 2.747 36
Vale do Anari 2.438 26
Alto Alegre dos Parecis 2.290 51
Itapuã do Oeste 2.248 20
Santa Luzia D’Oeste 2.178 26
Cacaulândia 1.999 17
Corumbiara 1.967 25
Mirante da Serra 1.881 17
Cabixi 1.775 22
Vale do Paraíso 1.718 27
Rio Crespo 1.448 13
Nova União 1.359 16
Theobroma 1.339 27
Novo Horizonte do Oeste 1.271 24
São Felipe D’Oeste 1.218 18
Ministro Andreazza 1.166 16
Governador Jorge Teixeira 1.157 22
Teixeirópolis 940 9
Parecis 851 10
Pimenteiras do Oeste 714 17
Primavera de Rondônia 559 7
Castanheiras 445 10
Total geral 418.610 7.249

Fonte: Vigilâncias Epidemiológicas dos municípios de Rondônia

Em Rondônia, nas últimas 24 horas foram registrados os seguintes resultados para covid-19:

ÚLTIMAS 24 HORAS
MUNICIPIOS CASOS CONFIRMADOS ÓBITOS
Porto Velho 7
Ji-Paraná 15 1
Ariquemes 10
Cacoal 47
Vilhena 3
Rolim de Moura 34
Jaru 32
Pimenta Bueno
Buritis 40
Machadinho D’Oeste 11
Alta Floresta D’Oeste
Ouro Preto do Oeste 15
Espigão D’Oeste 13
Guajará-Mirim
Nova Mamoré
Presidente Médici 29
Candeias do Jamari
Cerejeiras 8
São Francisco do Guaporé 9
Nova Brasilândia D’Oeste 13
Cujubim 1
Colorado do Oeste
Costa Marques 27
Alto Paraíso
Monte Negro 36
São Miguel do Guaporé 2
Seringueiras 3
Campo Novo de Rondônia 1
Alvorada D’Oeste 2 1
Chupinguaia 21
Urupá 9
Vale do Anari 3
Alto Alegre dos Parecis
Itapuã do Oeste
Santa Luzia D’Oeste 7
Caculândia 13
Corumbiara 12
Mirante da Serra
Cabixi 1
Vale do Paraíso 5
Rio Crespo
Nova União
Theobroma 2
São Felipe D’Oeste
Novo Horizonte do Oeste
Governador Jorge Teixeira
Ministro Andreazza 9
Teixeirópolis 6
Parecis
Pimenteiras do Oeste 7
Primavera de Rondônia
Castanheiras 10
Total geral 463 2
Leia Também:  Para falar sobre seu casamento candidata ao Senado afirma que RO ensina ideologia de gênero nas Escolas e que o Ensino rondoniense "detona" a língua portuguesa

ÚLTIMAS ATUALIZAÇÕES:

  • Nas últimas 24 horas foram registrados dois (2) óbitos em Rondônia por covid-19, nas cidades de Ji-Paraná e Alvorada do Oeste.
  • A cidade de Guajará Mirim revisou seus números de óbitos e excluiu um caso, após verificar o erro de contagem;
  • Com a diminuição do número de casos de covid-19 em todos os municípios do Estado de Rondônia, as equipes das vigilâncias epidemiológicas municipais estão sendo desmobilizadas gradativamente nos finais de semana, acarretando a diminuição do numero de casos lançados ou mesmo a falta de lançamento de dados, em feriados e finais de semana, no sistema e-SUS VE, que é o sistema oficial do Ministério da Saúde utilizado pelo CIEVS/RO para divulgação dos dados diários.

Segundo a Agevisa, os dados são analisados diariamente pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde – Cievs/Agevisa, que acompanha também a investigação epidemiológica feita pelas equipes de Saúde nos municípios para checagem de dados.

Para informações detalhadas e relatórios na íntegra, acesse o Portal Coronavírus em Rondônia, por meio do endereço: coronavirus.ro.gov.br

Os dados de vacinação são adicionados ao sistema diretamente pelos municípios e são dinâmicos.

Para mais informações acerca da vacinação por grupos:
https://infoms.saude.gov.br/extensions/DEMAS_C19_Vacina_v2/DEMAS_C19_Vacina_v2.html

Fonte: Governo RO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

RONDÔNIA

PORTO VELHO

POLÍTICA RO

MAIS LIDAS DA SEMANA